Romã: benefícios para o homem, outros benefícios, como fazer suco ou chá e mais!

Romã: benefícios para o homem, outros benefícios, como fazer suco ou chá e mais!

A romã possui ação antioxidante, anti-inflamatória e antisséptica, de modo que traz vários benefícios para a saúde. Para saber mais, confira nosso artigo!


Você sabe quais são os benefícios da romã para o homem?

Sementes de romã.

Devido à sua composição, que conta com flavonoides e ácido elágico, a romã é uma fruta que traz diversos benefícios para o corpo e ajuda na prevenção de doenças como o Alzheimer. Além disso, atua no controle da pressão alta e possui efeito anti-inflamatório.

Com sementes doces e que podem ser consumidas in natura, a romã pode ser consumida através de sucos, saladas e iogurtes. Além disso, todas as suas partes são aproveitáveis, já que cascas, caules e folhas podem ser usados no preparo de chás.

Ao longo do artigo, os benefícios da romã serão explorados, especialmente considerando a saúde masculina. Se você deseja saber mais a respeito disso, continue a leitura!

Entendendo mais sobre a romã para o homem

Tigela em forma de coração com sementes de romã.

A romã é capaz de ajudar no tratamento de alguns tipos de câncer, como o de próstata. Desse modo, possui uma série de benefícios para a saúde do homem. Assim, é importante conhecer as suas propriedades e os seus usos, que serão comentados a seguir. Continue a leitura para saber mais!

O que é a romã?

A romã é uma fruta doce e com sementes que podem ser consumidas em natura. Ela conta com diversos compostos importantes na sua composição, como a quercetina, o ácido elágico e os flavonoides. Todos estes são antioxidantes e capazes de prevenir diversos tipos de doenças, desde o mal de Alzheimer às dores de garganta.

Além disso, a romã também pode ser encontrada na forma de suplementos. Nesse caso, tem-se o extrato desidratado da casca e o óleo concentrado, feito a partir das sementes da fruta. Ambos são usados para melhorar o sistema imunológico e prevenir o envelhecimento precoce.

Origem e características da fruta romã

De acordo com os registros históricos, a romã é uma fruta nativa da Pérsia. Entretanto, ela foi devidamente domesticada no Irã por volta do ano 2000 a.C. De início, ela despertou o interesse dos países localizados no Mediterrâneo e, posteriormente, foi distribuída ao redor da Ásia e das Américas.

No Brasil, a romã chegou graças à vinda dos portugueses. De acordo com alguns estudiosos de povos antigos, a fruta era compreendida como uma espécie de monte entre a mortalidade e a imortalidade. Além disso, era vista como um símbolo de amor e fertilidade.

Propriedades da fruta romã

A romã possui propriedades anti-inflamatórias e antissépticas, de forma que atua no combate às dores de garganta. Além disso, a fruta possui compostos flavonoides, que são responsáveis por ajudar na prevenção de doenças crônicas e cardiovasculares.

Também se mostra válido destacar que a romã possui quercetina, um tipo de flavonoide que combate a ação dos radicais livres e possui função antioxidante. Além disso, este composto também atua no fortalecimento do sistema imunológico como um todo.

Por fim, é válido mencionar a presença do ácido elágico, cuja ação anticancerígena faz com que a romã seja uma fruta tão benéfica para a saúde masculina.

Benefícios da romã para o homem

Romã e sementes.

Embora o consumo da romã seja positivo para todas as pessoas, os homens podem usufruir ainda mais dos benefícios da fruta devido à sua ação anticancerígena. Isso acontece porque a romã atua principalmente combatendo o câncer de próstata. Veja mais sobre estes e outros benefícios da romã na saúde dos homens a seguir!

Previne o câncer de próstata

Quando o assunto é a prevenção do câncer, a casca e a polpa da romã podem ajudar bastante. Isso acontece porque ambas são ricas em taninos e flavonoides, dois antioxidantes que ajudam a prevenir o surgimento do câncer de próstata.

De acordo com alguns estudos recentes, existe a possibilidade de fazer uso do extrato de romã para ajudar no tratamento desta doença. Essa função da fruta está diretamente ligada à presença da urolitina B e do ácido galáctico, que atuam no sentido de inibir a proliferação das células cancerígenas.

Age no tratamento de disfunção erétil

De acordo com um estudo publicado na revista Journal of Impotence Research, a romã pode atuar de forma positiva no tratamento da disfunção erétil. Isso acontece porque ela tem uma ação similar à do Viagra.

Desse modo, alguns pesquisadores estudam a possibilidade de que a fruta atue como substituta do medicamento futuramente. O estudo em questão levou em consideração 53 homens que sofrem com a disfunção erétil. Todos eles consumiram uma dose de 220 ml do suco de romã diariamente durante o período de 4 semanas.

Então, fizeram uma pausa de 15 dias e reiniciaram o tratamento. Dos homens que participaram da pesquisa, 47 afirmaram ter sentido melhorias nas suas funções eréteis após se submeterem ao tratamento.

Outros benefícios da fruta romã

Romã cortada ao meio.

Além de ajudar na saúde dos homens, a romã possui alguns benefícios que não estão restritos a este grupo. A fruta é capaz de atuar na prevenção de doenças como o Alzheimer e de melhorar a saúde do cérebro como um todo. Além disso, também ajuda no controle da pressão arterial. Veja mais sobre a romã a seguir!

Evita o Alzheimer

Quando se fala sobre a prevenção do Alzheimer, a romã pode ser uma ótima aliada. Nesse caso, deve-se usar especialmente as suas sementes e a sua casca, ambas ricas em compostos anti-inflamatórios e antioxidantes. Desse modo, são capazes de ajudar no equilíbrio das funções das células cerebrais.

Como consequência, tem-se melhorias na memória, e isso ajuda a prevenir o surgimento do Alzheimer. A propriedade em questão está mais associada à casca do que às sementes, já que ela possui dez vezes mais antioxidantes.

Previne doenças no coração

O suco da romã é rico em ações anti-inflamatórias e antioxidantes. Desse modo, ele contribui significativamente para o aumento dos níveis de colesterol LDL, considerado bom para o organismo. Assim, a fruta ajuda no combate às doenças cardíacas, especialmente a arteriosclerose, o infarto e a arritmia.

Também vale pontuar que o consumo do suco de romã ajuda no sentido de diminuir os níveis de triglicerídeos presentes no sangue. Este tipo de gordura, quando encontrando em excesso, pode acabar causando doenças cardíacas.

Melhora a saúde do cérebro

A romã possui relação direta com as melhorias da saúde do cérebro. Isso pode ser notado especialmente em mulheres que estão se aproximando da menopausa. Nessa fase da vida, é muito comum o surgimento da depressão, algo que a romã ajuda a combater.

Além disso, a fruta tem associação direta com melhorias nas funções cognitivas, o que reduz as possibilidades de desenvolvimento de algumas doenças que atacam o sistema nervoso de forma geral. Nesse caso, o mais indicado é ingerir o chá feito a partir da casca.

Controla a pressão arterial

O controle da pressão arterial é beneficiado pela romã devido à presença dos compostos antioxidantes. Eles são capazes de promover o relaxamento dos vasos sanguíneos e, portanto, facilitam a circulação. Assim, os quadros de pressão alta são prevenidos em quem ainda não possui esta doença.

De acordo com alguns estudos recentes, consumir cerca de 240 ml por dia do suco de romã durante um período de 14 dias ajuda a diminuir a pressão no caso de pessoas que já sofrem com este quadro. Vale ressaltar, porém, que o uso do suco não substitui os medicamentos indicados pelo médico.

Previne a diabetes

Como a romã é uma fruta rica em compostos antioxidantes, ela pode ajudar a melhorar as funções do pâncreas de forma expressiva. Este órgão é responsável por garantir a produção de insulina no organismo. Desse modo, a romã ajuda a combater a diabetes.

Isso acontece porque a fruta atua no sentido de controlar os níveis de açúcar no sangue e a glicemia, no caso das pessoas que já têm a doença em questão. De acordo com alguns estudos recentes, para obter estes benefícios, as melhores formas são consumir o suco ou as sementes da romã.

Fortalece o sistema imunológico

Devido à presença da vitamina C e dos antioxidantes na sua composição, a romã é uma fruta capaz de atuar inibindo o aumento de bactérias ruins e proporcionando o aumento das boas, especialmente no intestino. Desse modo, a flora se torna mais equilibrada.

Isso tem um papel direto na absorção de vitaminas e minerais. Além disso, ajuda a fortalecer o sistema imunológico como um todo, prevenindo o surgimento de doenças como gripes, diarreias e herpes. Também vale ressaltar que extratos de romã são bastante usados como suplementos de fortalecimento ao sistema imunológico em pacientes que possuem doenças inflamatórias.

Age no tratamento de inflamações na boca

A presença dos ácidos fenólicos, taninos, antocianinas e flavonoides faz com que a romã seja ótima para combater inflamações na boca, como as gengivites e a periodontites. Além disso, a ação antibacteriana e antimicrobiana da fruta garante ainda mais eficácia.

Nesse caso, o indicado é que se consuma o chá das cascas e das flores de romã. Eles podem ser tanto ingeridos quanto usados para bochechos. De acordo com alguns estudos, o extrato da fruta também pode apresentar bons resultados nesse sentido devido à sua capacidade de combater as bactérias.

Age contra infecções na garganta

As infecções na garganta podem ser bastante incômodas e são facilmente combatidas pelo uso do chá da casca e do caule de romã. Ambos também apresentam bons resultados contra a amigdalite, a faringite e a laringite.

Assim, o indicado para este tipo de tratamento é que o chá seja consumido três vezes ao dia. Os benefícios também podem ser sentidos caso o paciente opte por fazer gargarejos. Tudo depende do que causa menos incômodo e apresenta resultados mais rápidos para o quadro.

Melhora a saúde da pele

A romã é uma fruta rica em catequinas, elegitaninos e antocianinas. Desse modo, ela possui ação antioxidante, associada especialmente às suas sementes, suco e casca. Desse modo, ajuda a proteger a pele contra os raios ultravioletas e previne o câncer.

Vale ressaltar que estes compostos, exatamente pela sua ação antioxidante, também combatem o envelhecimento precoce. Outro ponto positivo é a sua ação adstringente e antisséptica, o que traz uma série de benefícios para o tratamento de acnes e para o controle da oleosidade.

Auxilia na perda de peso

Além de apresentar benefícios diversos para a saúde, a romã pode ser uma ótima aliada em dietas cujo o foco é a perda de peso. Isso acontece devido ao seu baixo teor calórico e à sua riqueza em antioxidantes. Entretanto, o ponto mais positivo do consumo da fruta é a sua riqueza em fibras.

As fibras ajudam a proporcionar a sensação de saciedade e, desse modo, controlam a fome. Além disso, outro benefício da romã é que ela ajuda na eliminação de líquido corporal, algo que também impacta na perda de peso de forma significativa.

Age no tratamento de diarreia

O tratamento da diarreia também pode se tornar mais fácil quando o paciente consome romã. Isso acontece porque a fruta possui taninos, que ajudam na absorção de água. Além disso, eles também atuam diminuindo o movimento de expulsão das fezes.

Ainda sobre essa função da fruta, vale pontuar que a romã possui antioxidantes, e estes atuam no equilíbrio da flora intestinal. Para obter estes benefícios e tratar diarreias, o mais recomendado é consumir o chá da casca da fruta. O do caule possui um efeito semelhante.

Como consumir a fruta romã

Sementes de romã.

Existem várias formas de consumir a romã e de aproveitar as suas partes para ter benefícios para a saúde. Desse modo, algumas das mais comuns, como o chá e o suco, serão ensinadas a seguir para ajudar quem pretende incluir esta fruta na sua dieta a saber como fazer isso. Confira!

Receita de suco de romã

Doce e refrescante, o suco de romã pode ser feito com poucos ingredientes. O preparo leva entre 15 e 30 minutos e possui dificuldade baixa. Vale ressaltar que o suco pode ser uma forma de incentivar crianças e pessoas idosas a comer a romã, já que não será preciso separar as sementes, algo que estes grupos podem considerar trabalhoso.

Além disso, o sabor único tem tudo para cair no gosto dessas pessoas e fazer com que elas desfrutem de algo saudável nas suas dietas, aproveitando benefícios para várias áreas distintas do seu corpo. Veja a seguir o que é necessário para fazer o suco de romã:

Ingredientes

A receita do suco de romã exige poucos ingredientes. Para o preparo, é necessário somente água e as romãs. Algumas pessoas acrescentam folhas de hortelã para dar maior refrescância à bebida, mas, como isso não interfere nos benefícios, no caso do uso medicinal, a hortelã pode ser excluída.

Além disso, vale pontuar que não são necessários muitos utensílios domésticos para fazer este suco. Portanto, você precisará apenas de um liquidificador e de um coador.

Como fazer o suco de romã

Para começar, retire os grãos da romã, batendo na casca com uma colher. Em seguida, faça o movimento de apertar para eles se soltarem. Então, coloque os grãos no liquidificador e comece a triturar. Tenha atenção para não deixar pedaços da casca misturados, ou a bebida ficará amarga.

Coloque as folhas de hortelã e volte a triturar. Então, retire a polpa do liquidificador e passe por um coador para eliminar os fragmentos dos grãos. Acrescente a água gelada, e o suco estará pronto para beber. Caso você goste, algumas pedras de gelo também podem tornar a bebida ainda mais refrescante.

Receita de chá de casca de romã

Algumas propriedades nutricionais da romã estão presentes na sua casca. Desse modo, ela deve ser reaproveitada na forma de chás para que seja possível usufruir ainda mais dos benefícios da fruta. Então, uma forma de fazer isso é consumir o chá de casca de romã.

Desse modo, mais detalhes sobre o seu preparo serão comentados nos próximos subtítulos. Aprenda a aproveitar todas as partes desta fruta tão incrível para beneficiar a sua saúde.

Ingredientes

Em termos de ingredientes, o chá de romã não é muito exigente. Assim, são usados somente a casca da fruta, na média de 10 g, e uma xícara de água.

Caso seja necessário aumentar a receita, observe estas proporções e procure conservá-las. Porém não é indicado fazer muito do chá de uma vez, já que as propriedades se perdem com o passar do tempo e conforme a bebida esfria. O ideal é preparar somente o suficiente para consumo e, caso você queria consumir mais, fazer novamente a receita.

Como fazer o chá de casca de romã

Primeiramente, ferva a água em uma panela. Uma vez que ela estiver na temperatura indicada, acrescente 10 g da casca de romã. Em seguida, desligue o fogo e abafe a panela. Deixe a mistura em infusão por, em média, 15 minutos.

Depois de transcorrido este tempo, coe o chá e consuma ele o quanto antes, dividindo essa quantidade em no máximo três vezes. Vale pontuar que as cascas, as folhas e as sementes da romã também podem ser usadas para fazer o chá, e o preparo segue a mesma lógica descrita anteriormente.

Comendo a fruta ou usando na culinária

As sementes de romã também podem ser consumidas in natura e têm os mesmos benefícios que bebidas citadas. Além disso, devido ao seu sabor único e ora adocicado ora amargo, ela também pode se fazer presente em saladas ou acompanhar carnes.

Além disso, para os que não têm tempo para cozinhar, mas desejam aproveitar os benefícios da fruta de qualquer forma, ela pode ser consumida de maneira rápida misturada com iogurtes durante o café da manhã. Vale citar a possibilidade de acrescentar a romã como ingrediente de doces.

Cápsulas ou comprimidos

Existem várias marcas no mercado atual que fazem capsulas de romã. Elas possuem os mesmos benefícios do que a fruta propriamente dita e, em geral, são usadas para combater o envelhecimento precoce devido à sua riqueza em antioxidantes.

Vale pontuar que estas capsulas não possuem quantidades significas de gorduras, carboidratos e proteínas, de modo que podem ser usadas em todos os tipos de dietas. Entretanto, é interessante consultar um médico antes de fazer este tipo de suplementação para que ele aponte a dose adequada.

Óleo essencial

O óleo essencial de romã é muito usado para tratamentos de pele. Isso acontece especialmente devido à sua ação antioxidante, decorrente da presença da vitamina A e da vitamina C. Além disso, o produto em questão conta com ácido elágico, ácidos graxos e vários outros componentes que ajudam na manutenção da barreira cutânea.

Segundo um estudo realizado ainda em 2014, o óleo de romã é capaz de reduzir o estresse oxidativo provocado pelos radicais livres, que são diretamente responsáveis pelo envelhecimento precoce da pele. Logo, ele é considerado capaz de prevenir sinais e linhas finas.

Outras informações sobre a fruta romã

Romã em árvore.

Antes de incluir a romã na sua dieta, é muito importante conhecer mais a respeito dos casos nos quais o consumo é contraindicado. Além disso, também é importante saber sobre os perigos e os efeitos colaterais. Portanto, essas e outras questões serão comentadas a seguir. Continue a leitura para saber mais!

A romã deve ser consumida com que frequência?

É importante destacar que o consumo da romã pode ser diário. Entretanto, para isso, é preciso respeitar as quantidades indicadas. Em média, um adulto saudável pode consumir uma romã de tamanho médio por dia ou fazer uso de 300 ml do suco desta fruta.

A romã pode ser consumida em qualquer refeição ao longo do dia, já que não existe um momento que privilegia a sua absorção. Porém é mais indicado que ela seja ingerida na primeira metade do dia devido à presença das fibras, que provocam a sensação de saciedade.

Perigos e efeitos colaterais do consumo de romã

É preciso ter atenção ao consumo da casca e do caule da romã, especialmente em quantidades maiores. Isso acontece porque ambos podem se tornar tóxicos, e isso possui uma série de efeitos colaterais, como náuseas e vômitos. Em casos mais graves, pode provocar quadros de intoxicação.

Assim, é possível que o excesso leve alguém à morte, pois a intoxicação destacada pode provocar uma parada respiratória nos piores cenários. Então, não procure consumir estas partes da fruta dentro das quantidades adequadas.

Contraindicações do consumo de romã

A romã é contraindicada para crianças com menos de dois anos de idade. Além disso, a sua ingestão deve ser evitada por mulheres que estão amamentando e por gestantes.

Também vale citar que as pessoas que sofrem com gastrite e outras condições ligadas ao estômago precisam evitar o consumo, pois a fruta pode provocar irritações nesse sentido. Outro ponto que deve ser observado é a questão das alergias. Embora se trate de uma fruta, não é impossível que isso aconteça.

Como comprar e como armazenar a romã?

O primeiro passo para comprar uma boa romã é analisar o seu peso. Quanto mais pesadas, mais suculentas. Além disso, é interessante observar a coloração da casca, que precisa ser bem acentuada e brilhante para que a fruta esteja madura. Por fim, aperte a romã para verificar pontos amolecidos, que indicam machucados.

Já para o armazenamento adequado, o mais recomendado é cortar a fruta ao meio e colocá-la em uma tigela com água, de modo que fique submersa. Então, dentro da água, remova as sementes e guarde-as refrigeradas. A fruta também pode ser colocada por inteiro na geladeira.

Aproveite todos os inúmeros benefícios da romã!

Mulher segurando romã.

Repleta de compostos funcionais, a romã possui uma série de propriedades benéficas para o corpo humano. Além disso, tem funções especiais na manutenção da saúde masculina, pois pode ser associada diretamente com a prevenção do câncer de próstata e o tratamento da disfunção erétil.

Outra vantagem da fruta é que todas as suas partes podem ser consumidas. No caso das sementes, elas podem se fazer presentes em receitas, sucos ou ser consumidas in natura. Por outro lado, a casca, as folhas e o caule são recomendados para os chás.

Independentemente da forma escolhida para consumir a romã, a fruta trará diversos benefícios. Porém não se esqueça de observar as dicas ao longo do artigo a respeito das contraindicações e das formas de consumo adequadas. Com elas, você poderá ingerir a romã das melhores formas!

Autor deste artigo

Palavras-chave relacionadas


alimentação

Artigos relacionados


Alimentos para aumentar a imunidade: frutas, verduras, legumes e mais!

Alimentos para aumentar a imunidade: frutas, verduras, legumes e mais!

Os alimentos relacionados com o aumento e manutenção da imunidade são diversos. Conheça neste artigo alimentos poderosos e as suas características!


Iogurte natural: benefícios, para que serve, malefícios, como comer e mais!

Iogurte natural: benefícios, para que serve, malefícios, como comer e mais!

O iogurte natural é saudável e benéfico para o organismo, além de ajudar nas dietas de emagrecimento. Para saber mais sobre esse alimento, confira nosso artigo!


Vitamina para aumentar a imunidade: as melhores para o sistema imunológico!

Vitamina para aumentar a imunidade: as melhores para o sistema imunológico!

As vitaminas possuem um papel fundamental no aumento das defesas do corpo e no sistema imunológico. Veja mais sobre elas no nosso artigo!


Suco de cenoura: benefícios, propriedades, receita, como fazer e mais!

Suco de cenoura: benefícios, propriedades, receita, como fazer e mais!

A cenoura é um vegetal rico em betacaroteno, antioxidantes e flavonoides, importantes para o bom funcionamento do corpo. Conheça mais sobre o seu suco!


Os benefícios da ora-pro-nobis: Para imunidade, anemia e mais!

Os benefícios da ora-pro-nobis: Para imunidade, anemia e mais!

Conheça a ora-pro-nóbis, uma planta rica em fibras, proteínas e vitaminas com diversos atributos positivos para a saúde. Entenda aqui como consumir!


Últimos posts


Sonhar com dente quebrado: na boca, caindo, na mão, no chão e mais!

Sonhar com dente quebrado: na boca, caindo, na mão, no chão e mais!

Sonhar com dente quebrado representa dificuldades e problemas com família. Mas também pode simbolizar novos ciclos. Entenda porquê!


Significado do número 111: Nas horas, na numerologia, espiritualidade e mais!

Significado do número 111: Nas horas, na numerologia, espiritualidade e mais!

Você sabia que o número 111 se relaciona a um novo ciclo? Confira esse artigo para descobrir esses e outros significados!


Anjo 0303: Significado, numerologia, em horas iguais e mais!

Anjo 0303: Significado, numerologia, em horas iguais e mais!

Você sabia que o anjo 0303 traz uma mensagem de crescimento para você? Acompanhe todos os detalhes nesse artigo!


Anjo 0202: Significado, em horas iguais, na numerologia e mais!

Anjo 0202: Significado, em horas iguais, na numerologia e mais!

O anjo de número 0202 guarda uma mensagem importante para quem o vê. Leia esse artigo e saiba como decifrá-la!


Significado das horas 01:11: Numerologia, anjo Elemiah e mais!

Significado das horas 01:11: Numerologia, anjo Elemiah e mais!

Você sabia que ver horas repetidas não é simplesmente o acaso? Confira nesse artigo como as horas interferem em sua vida e os seus significados!