Chá para gripe: Confira 10 receitas que irão melhorar a gripe e o resfriado!

Chá para gripe: Confira 10 receitas que irão melhorar a gripe e o resfriado!

Não há nada pior do que ficar indisposto por causa de uma gripe. Leia o artigo e confira 10 chás infalíveis para se livrar da gripe e recuperar sua energia!


Conheça 10 chás para melhorar a gripe!

Mãos segurando xícara de chá e saquinho de chá

A gripe é uma doença muito comum não só no Brasil, mas no mundo todo. Uma das melhores formas de prevenção é através de uma boa rotina alimentar. No entanto, quando já estamos com o vírus no corpo, uma ótima estratégia é consumir remédios naturais e caseiros, como os chás.

Existem várias infusões maravilhosas para gripe que prometem derrotar o vírus em pouquíssimo tempo, te ajudando a amenizar os sintomas desagradáveis e devolvendo a vitalidade.

Entretanto, não é qualquer bebida que serve para gripe, já que cada uma possui propriedades diferentes e específicas. Continue lendo o artigo e veja uma seleção com 10 chás para você derrotar a gripe de uma vez por todas.

Entendendo sobre os chás para gripe

Chá de laranja e mel em xícara, com garrafa de mel no fundo

Os sintomas da gripe costumam ser um pesadelo, extremamente irritantes e até mesmo incapacitantes em alguns casos. Veja a seguir tudo o que você precisa saber sobre a doença e como os chás podem ajudar bastante.

O que é a gripe?

A gripe é uma doença causada pelo vírus tipo Influenza, que ataca o sistema respiratório, deixando nariz, garganta e pulmões infeccionados. Desse modo, provoca uma série de sintomas, como dor de garganta, coriza, nariz congestionado, fadiga, febre, tosse, entre outros.

Os vírus sofrem várias mutações, pode-se dizer que estão em transformação constante. Esse é um dos principais motivos que fazem uma pessoa ter a doença mais de uma vez, inclusive durante o mesmo ano.

Além disso, essa enfermidade pode apresentar níveis de gravidade bem distintos, dependendo de cada organismo. Geralmente, a gripe evolui de uma forma favorável, desaparecendo espontaneamente entre 7 a 10 dias após o surgimento dos primeiros sintomas.

Possíveis causas da gripe

Como a gripe é transmitida por um vírus que afeta as vias aéreas, uma de suas principais causas é o contato com secreções, espirros e tosse de um paciente infectado. Ao tocar uma maçaneta contaminada, por exemplo, podemos levar a mão ao nariz, facilitando a entrada do vírus.

Ademais, esse patógeno consegue sobreviver por um período em suspensão no ar. Por isso, os especialistas recomendam que todos os ambientes estejam bem arejados, para que haja a troca e a circulação do ar.

Essa sugestão é muito importante durante o outono e inverno, já que deixamos todos os espaços fechados por causa do frio. Outro ponto fundamental é manter bem ventilados os locais com aglomeração, como o transporte público, para evitar aquele “ar respirado”.

Perigos e cuidados com a gripe

A gripe é uma doença que pode afetar cada pessoa de uma forma diferente. Em algumas situações, a enfermidade pode se agravar e evoluir para uma pneumonia.

Como uma infecção viral, também pode trazer outras complicações e ser fatal, principalmente entre os grupos de risco. Confira quais são os indivíduos com maior chance de desenvolver um caso mais grave:

- Crianças menores de 5 anos;
- Adultos com mais de 65 anos;
- Gestantes e puérperas;
- Pessoas com sistema imunitário enfraquecido;
- Quem tem enfermidades crônicas, como asma, diabetes, e doenças cardíaca, renal e hepática.

Benefícios do chá para gripe

Os chás para gripe possuem inúmeras propriedades benéficas que ajudam a fortalecer o sistema imunológico, além de compostos anti-inflamatórios e analgésicos que amenizam os sintomas desagradáveis.

A propósito, o vapor da infusão alivia os típicos desconfortos respiratórios, como coriza, nariz entupido e catarro, funcionando como uma espécie de inalação. A água presente nos chás também ajuda a combater a desidratação.

Alguns alimentos se destacam na luta contra a gripe. Limão, alho, gengibre, mel e equinácea possuem compostos naturais poderosíssimos que te ajudam a eliminar esse vírus e retomar sua rotina. Confira receitas infalíveis a seguir.

Chá de mel e limão

Chá de limão e mel

O chá de mel e limão é uma opção maravilhosa para combater a gripe. Isso acontece porque a bebida alivia os sintomas desagradáveis da doença e ainda aquece o corpo nos dias mais frios de inverno. Saiba mais a seguir.

Indicações e propriedades do mel e do limão

A união do limão com o mel faz desse chá um ótimo remédio natural contra a gripe. Isso porque a combinação alivia a dor de garganta e descongestiona o nariz, melhorando a respiração. O limão é uma fruta cítrica que desintoxica o organismo e aumenta a imunidade, já que é fonte de potássio.

Além disso, atua diminuindo os sintomas de fadiga. O mel apresenta propriedades antioxidantes, anti-inflamatórias e antibacterianas. Assim, diminui a inflamação na garganta e pulmões. Outro ponto garantido é uma noite de sono relaxante.

Ingredientes

Para fazer o chá de mel e limão, você vai precisar de:

- Caldo de 1 limão;
- 2 colheres (sopa) de mel;
- 1 xícara (chá) de água fervente.

Como fazer o chá de mel e limão

O primeiro passo para fazer esse chá é adicionar o mel à água fervente, mexendo bem até ficar homogêneo. Depois, coloque o limão e beba logo em seguida.

É muito importante adicionar o limão por último e tomar a infusão imediatamente para não perder os benefícios da vitamina C. Para o tratamento da gripe, é recomendado ingerir o chá de mel e limão por até 3 vezes ao dia.

Cuidados e contraindicações

O chá de mel e limão requer alguns cuidados no consumo. Isso porque o mel, quando em excesso, pode prejudicar o organismo. Ademais, se você for diabético, deve redobrar a atenção ou até mesmo evitar a ingestão do alimento.

A bebida é contraindicada para bebês de até 1 ano por causa do mel, que pode causar uma grave intoxicação, pois o sistema digestivo deles ainda é muito imaturo. As pessoas que sofrem com gastrite também devem evitar esse chá.

Chá de gengibre, limão e própolis

Mulher gripada espremendo limão na xícara de chá

O chá de gengibre, limão e própolis é muito recomendado nos casos de gripe, porque alivia a congestão nasal e ameniza as dores de cabeça. Descubra tudo sobre essa infusão a seguir.

Indicações e propriedades do gengibre, limão e própolis

A mistura de gengibre, limão e própolis é poderosíssima, recheada de propriedades benéficas. O chá feito com esses ingredientes evita a congestão nasal, acaba com a coriza e reduz os desconfortos no corpo.

O gengibre é um alimento supereficiente nos casos de gripe porque tem propriedades analgésicas, antipiréticas e antibacterianas. Além disso, a infusão com própolis é perfeita para quem sofre com dores de cabeça constantes, já que é muito potente no combate à cefaleia e diminui as chances de crises voltarem.

Ingredientes

Os ingredientes necessários para preparar o chá de gengibre, limão e própolis são:

- 1/2 litro de água;
- Casca de meio limão;
- 1 pedaço pequeno de gengibre;
- 20 gotas de extrato de própolis.

Como fazer o chá de gengibre, limão e própolis

Lave bem o limão, retire a casca da metade (evite aquela parte branca para não deixar a bebida amarga) e reserve. Descasque também o gengibre.

Coloque em uma panela a água, a casca do limão e o gengibre, deixando ferver por aproximadamente 5 minutos. Desligue o fogo e deixe a mistura em infusão por mais 5 minutos. Por último, adicione o extrato de própolis.

Cuidados e contraindicações

O chá de gengibre, limão e própolis precisa ser consumido com cuidado nos casos de indivíduos com problemas cardíacos, hemorrágicos e distúrbios ligados à tireoide. Além disso, quem sofre com diabetes e hipertensão deve evitar essa bebida, pois há o risco de agravamento do quadro.

Também é recomendado que as pessoas que não têm nenhuma dessas doenças tomem o chá com moderação, pois ele é bem forte.

Chá de mel com agrião

Mulher gripada com xícara de chá na mão

O agrião frequentemente é consumido em saladas, mas quando é preparado na forma de chá com mel, fica delicioso e poderosíssimo no combate aos sintomas desagradáveis da gripe. Veja mais a seguir.

Indicações e propriedades do mel e do agrião

O chá de mel e agrião forma uma dupla perfeita para acabar com o vírus da gripe. Isso porque ele possui ação antioxidante e anti-inflamatória, aliviando desconfortos e sintomas respiratórios, como tosse, coriza e dor de garganta.

O agrião é fonte de vitamina C, nutriente importantíssimo para reforçar a imunidade, otimizando as defesas do organismo. Além disso, o mel tem a capacidade de diminuir a multiplicação dos patógenos. Outra vantagem é que ele é rico em probióticos.

Ingredientes

O preparo do chá de mel com agrião é muito simples e só precisa de 3 ingredientes. Confira:

- 1/2 xícara (chá) de talos e folhas de agrião;
- 1 colher (sopa) de mel;
- 100 ml de água.

Como fazer o chá de mel com agrião

O primeiro passo é colocar a água para ferver. Assim que levantar fervura, desligue o fogo, acrescente o agrião e tampe a panela. Deixe em infusão por cerca de 15 minutos. Em seguida, é só coar e adoçar com o mel. Espere amornar e aproveite todos os benefícios dessa bebida.

Cuidados e contraindicações

O chá de mel com agrião é contraindicado para gestantes, pois há um grande risco de provocar aborto.

Outro grupo que deve evitar o consumo da bebida são as crianças menores de 3 anos, que podem desenvolver o botulismo infantil, uma doença potencialmente fatal causada pelos esporos da bactéria Clostridium botulinum, que pode estar presente no mel.

Ademais, diabéticos precisam consultar um médico antes de consumir a bebida, já que o mel tem uma quantidade significativa de frutose.

Chá de alho

Chá de alho em xícara

O chá de alho é um dos melhores remédios caseiros para se livrar da gripe. Muita gente torce o nariz imaginando o cheiro da bebida, mas a receita a seguir costuma agradar a todos, até mesmo os mais exigentes. Confira!

Indicações e propriedades do alho

O chá de alho é um dos tratamentos naturais mais populares no combate à gripe. Isso acontece porque o alimento tem várias propriedades benéficas, entre elas as ações antimicrobianas, analgésicas e antigripais, além de ser um excelente antisséptico pulmonar.

O potencial terapêutico ainda auxilia no tratamento de garganta inflamada. Ele apresenta também ação expectorante, que ajuda a eliminar e evitar o acúmulo de muco. Ademais, a alicina, um poderoso composto do alho, estimula a produção de glóbulos brancos, fortalecendo o sistema imunológico.

Ingredientes

Para fazer o chá de alho, você vai precisar de:

- 3 dentes de alho;
- 1 colher (sopa) de mel;
- Caldo de meio limão;
- 1 xícara (chá) de água.

Como fazer o chá de alho

O preparo do chá é bem simples, basta amassar os dentes de alho e colocar em uma panela, juntamente com a água. Leve ao fogo e deixe ferver por aproximadamente 5 minutos. Em seguida, adicione o caldo de limão e o mel. Consuma imediatamente, ainda morno, para não perder as propriedades benéficas desta bebida.

Cuidados e contraindicações

O chá de alho não é recomendado para indivíduos que sofrem com pressão baixa, já que uma de suas principais ações é diminuir a pressão arterial. Além disso, pacientes recém-operados ou que apresentam qualquer tipo de distúrbio hemorrágico devem evitar o consumo desta infusão.

Outro ponto a ficar atento é a dosagem diária. Como a maioria dos chás, é preciso tomar com moderação, pois, se ingerido em grandes quantidades, pode causar reações gástricas.

Chá de eucalipto

Xícara com chá de eucalipto

O chá de eucalipto não é tão famoso no combate à gripe, mas é muito potente. Isso porque ele age como antioxidante, melhorando o sistema imunológico e cuidando de infecções do trato respiratório. Descubra mais a seguir.

Indicações e propriedades do eucalipto

Por ser rico em taninos, flavonóides, aldeídos e óleos voláteis, o chá de eucalipto é perfeito para se livrar da gripe. Ele apresenta propriedades antissépticas, antiespasmódicas e antimicrobianas. Aliás, um de seus ativos, o cineol, funciona como um potente expectorante, aliviando a tosse e ajudando a eliminar o catarro com mais facilidade.

Ademais, ele descongestiona as vias aéreas como um todo. Outro composto, o terpineol, é anti-inflamatório e analgésico. Logo, ameniza o mal-estar e desinflama o trato respiratório.

Ingredientes

O chá de eucalipto é muito fácil de preparar e só precisa de 2 ingredientes. Confira:

- 1 xícara (chá) de água;
- 4 g de folhas secas de eucalipto (cerca de 1 colher de sopa).

Como fazer o chá de eucalipto

O primeiro passo para fazer o chá de eucalipto é ferver a água. Assim que entrar em ebulição, coloque em uma xícara e acrescente as folhas de eucalipto. Tampe e deixe em infusão por 5 minutos.

Depois, coe e beba de 2 a 3 vezes por dia. Vale lembrar que esse chá também pode ser usado como inalação ou enxaguante bucal, desde que seja preparado com as folhas frescas, ao invés das secas.

Cuidados e contraindicações

O chá de eucalipto é contraindicado durante a gravidez. Além disso, pessoas que têm problemas na vesícula e no fígado precisam consultar um médico antes de consumir a bebida. A propósito, crianças menores de 12 anos não devem fazer a inalação com o chá de eucalipto, já que há o risco de provocar alergias e falta de ar.

Tome cuidado também para a infusão não entrar em contato direto com a pele do rosto, pois ela pode causar uma reação alérgica.

Chá de equinácea

Mulher vendo temperatura em termômetro enquanto segura uma xícara de chá

A equinácea, conhecida também como flor-de-cone, púrpura ou rudbéquia, é um excelente remédio natural contra a gripe. Essa planta é rica em alcamidas, flavonóides e polissacarídeos, com propriedades anti-inflamatórias e antialérgicas. Veja como fazer um chá maravilhoso a seguir.

Indicações e propriedades da equinácea

O chá de equinácea é uma bebida poderosíssima, já que ela ajuda a fortalecer o sistema imunológico. Além disso, por favorecer a sudorese (aumento da transpiração), é capaz de diminuir a febre. Logo, é perfeita para combater os sintomas desagradáveis de gripes e resfriados.

A infusão combate infecções que acometem o trato respiratório, causadas por vírus ou bactérias. Isso porque ela tem ação desintoxicante, anti-inflamatória, antioxidante e antimicrobiana.

Ingredientes

Para preparar o chá de equinácea, você vai precisar de:

- 1 xícara (chá) de água fervente;
- 1 colher (sopa) de folhas secas de equinácea.

Como fazer o chá de equinácea

O preparo deste chá é muito fácil e prático. Coloque a água fervente em uma xícara e adicione a equinácea em seguida. Tampe e deixe em infusão por cerca de 10 minutos. Depois desse período, coe e beba assim que amornar.

Cuidados e contraindicações

O chá de equinácea pode causar alguns efeitos colaterais, como náusea, vômito, dor de estômago, diarreia, dor de garganta, dor muscular, dor de cabeça, tontura, confusão, insônia e gosto desagradável na boca.

Reações alérgicas são raras, mas podem surgir casos com coceira ou urticária e agravamento de crises asmáticas. Além disso, a equinácea é contraindicada para crianças, gestantes, lactantes e indivíduos com tuberculose ou doenças autoimunes, como artrite reumatoide, lúpus ou psoríase.

Chá de sabugueiro

Homem gripado tomando chá

O chá de sabugueiro é bastante popular, sendo consumido no mundo inteiro devido a seus benefícios para a saúde. Suas folhas ajudam a melhorar a imunidade e ainda combatem a febre. Confira mais a seguir.

Indicações e propriedades do sabugueiro

O sabugueiro é uma planta medicinal que ajuda a turbinar as defesas do organismo. Além disso, promove a sudorese (aumento da transpiração corporal) e favorece a diminuição da febre. O chá preparado com suas folhas possui propriedades antivirais e antimicrobianas, sendo perfeito no combate à gripe.

Essa bebida facilita, ainda, a eliminação do catarro, liberando as vias respiratórias e reduzindo o excesso de muco. A infusão é fonte de vários nutrientes, como vitamina C e antioxidantes, apresentando ação anti-inflamatória.

Ingredientes

O chá de sabugueiro pode ser feito com um toque de tília, uma planta medicinal que ajuda a tirar o catarro e dá disposição. Confira os ingredientes necessários:

- 2 colheres (sopa) de folhas de sabugueiro;
- 1 colher (sopa) de tília;
- 1 xícara (chá) de água fervente.

Como fazer o chá de sabugueiro

Para preparar o chá, coloque as folhas de sabugueiro e a tília em uma xícara. Em seguida, adicione a água fervente, tampe e deixe repousando por aproximadamente 10 minutos. Depois desse tempo, é só coar. Você pode tomar essa infusão por até 3 vezes ao dia.

Cuidados e contraindicações

O chá de sabugueiro apresenta inúmeros benefícios, mas pode causar alguns efeitos colaterais se consumido em excesso. Os sintomas mais comuns são reações alérgicas, porém ele pode provocar também problemas gastrointestinais, como náusea, vômitos e diarreia.

A infusão não deve ser consumida por gestantes, puérperas e lactantes. Além disso, é preciso tomar cuidado com os frutos do sabugueiro, que, se ingeridos em quantidade exagerada, podem ter um efeito laxativo e até mesmo tóxico.

Chá de anis-estrelado

Xícara com chá e anis-estrelados no pires

O anis-estrelado é uma especiaria utilizada principalmente em preparações culinárias, mas suas propriedades medicinais fazem com que esse tempero seja consumido também na forma de chás. Descubra como ele pode te ajudar a se livrar da gripe.

Indicações e propriedades do anis-estrelado

O anis-estrelado é uma planta aromática poderosíssima, já que é considerado um depósito natural de ácido xiquímico, um composto com propriedades antivirais capazes de eliminar o vírus da gripe. Essa substância, aliás, é utilizada na indústria farmacêutica para a produção do medicamento oseltamivir, conhecido como Tamiflu.

Esse remédio é o principal tratamento para curar infecções provocadas pelos vírus Influenza A (H1N1 e H3N2) e B. Além disso, o anis-estrelado age como antioxidante, graças à presença de compostos fenólicos. Dessa maneira, fortalece o sistema imunológico, inibindo a ação de radicais livres.

Ingredientes

Para fazer o chá de anis-estrelado, você vai precisar de apenas 2 ingredientes. Confira:

- 1 colher (chá) de anis-estrelado moído;
- 250 ml de água fervente.

Como fazer o chá de anis-estrelado

O preparo deste chá é muito simples, basta colocar a água fervente em um recipiente e acrescentar o anis-estrelado. Tampe o refratário e deixe repousando por cerca de 10 minutos.

Depois, é só coar e deixar amornar antes de beber. Você pode consumir a infusão de 2 a 3 vezes ao dia.

Cuidados e contraindicações

O anis-estrelado frequentemente é utilizado na culinária, sendo muito seguro. Entretanto, o seu chá pode provocar alguns efeitos colaterais quando consumido em excesso. Algumas pessoas podem sentir náuseas e outros problemas gastrointestinais.

Além disso, essa especiaria é contraindicada para gestantes, lactantes e crianças. Isso acontece porque ainda não há estudos que comprovem a segurança e a eficácia, principalmente se considerarmos os efeitos a médio e longo prazo.

Chá de dente-de-leão

Xícara de chá com dente-de-leão e flores

O dente-de-leão, também chamado de coroa-de-monge, quartilho e taráxaco, possui uma grande quantidade de nutrientes. Com isso, ajuda a fortalecer o sistema imunológico, além de tratar gripes e resfriados. Saiba mais a seguir.

Indicações e propriedades do dente-de-leão

O dente-de-leão é fonte de vitaminas A, B, C e D. Além disso, é riquíssima em minerais, como ferro, potássio e zinco. Essa combinação faz com que o alimento seja ideal para aumentar as defesas do organismo.

De acordo com uma pesquisa realizada na China, em 2011, o chá dessa planta comprovadamente possui propriedades terapêuticas, sendo capaz de eliminar mais rapidamente o vírus Influenza do nosso corpo.

Ademais, o dente-de-leão contém compostos fenólicos, flavonoides, carotenoides e oligofrutanos que funcionam como antioxidantes, anti-inflamatórios e hepatoprotetores.

Ingredientes

Para o chá de dente-de-leão, você vai precisar de:

- 1 colher (sopa) da raiz de dente-de-leão triturada;
- 200 ml de água fervente.

Como fazer o chá de dente-de-leão

O preparo do chá é muito simples e rápido. O primeiro passo é colocar a água fervente em um recipiente, acrescentando, em seguida, a raiz de dente-de-leão. Tampe o refratário e deixe em infusão por cerca de 10 minutos.

Depois, coe a bebida e deixe amornar. Este chá pode ser consumido até 3 vezes por dia. Vale ressaltar que se você tiver problemas gastrointestinais, é recomendado beber antes das refeições.

Cuidados e contraindicações

O dente-de-leão é contraindicado para indivíduos que possuem obstrução dos ductos biliares, oclusão intestinal, inflamação aguda da vesícula biliar ou presença de úlcera péptica. Além disso, o uso durante a gravidez e a amamentação não é recomendado.

Evite também a ingestão em conjunto com remédios com lítio, diuréticos e hipoglicemiantes, já que o dente-de-leão pode potencializar os efeitos. Tome cuidado com o uso em quantidade excessiva, pois pode desencadear gastrointestinais ou reações alérgicas.

Chá de abacaxi

Xícara de chá de abacaxi

O chá de casca de abacaxi é uma bebida poderosíssima, já que conserva todas as propriedades nutricionais da fruta. Por isso, é perfeito para o tratamento auxiliar de diversas doenças, inclusive a gripe. Confira.

Indicações e propriedades do abacaxi

O chá de abacaxi é delicioso e perfeito para tratar infecções ligadas às vias aéreas, como gripes e resfriados. Isso porque a infusão ajuda a diminuir a tosse e, graças à sua ação expectorante, elimina o catarro.

Ademais, a fruta apresenta propriedades anti-inflamatórias, amenizando a dor de garganta e os problemas nasais. Um fato curioso é que a casca do abacaxi tem 38% a mais de vitamina C do que a polpa. Por esse motivo, é recomendável que o chá seja preparado com a casca da fruta.

Ingredientes

O chá de abacaxi fica com um sabor e aroma deliciosos com essa receita. Confira:

- 1,5 litro de água;
- Cascas de um abacaxi;
- 5 cravos;
- 1 pau de canela;
- 10 folhas de hortelã.

Como fazer o chá de abacaxi

O primeiro passo para fazer esse chá é colocar a água em uma panela e levá-la ao fogo. Assim que entrar em ebulição, adicione as cascas de abacaxi (que já devem estar lavadas e higienizadas). Em seguida, acrescente os cravos e a canela. Por último vai a hortelã, que dá um toque de frescor à bebida.

Tampe a panela e deixe a mistura ferver por cerca de 5 minutos ou até que a hortelã fique murcha e a água já tenha mudado de coloração. Depois, basta coar. Pode ser servido quente ou frio.

Cuidados e contraindicações

O chá de abacaxi é contraindicado para indivíduos que sofrem com problemas estomacais, como gastrite, úlcera ou refluxo, já que a fruta é bem ácida. Quem tem hipertensão arterial também deve evitar o consumo da bebida.

Além disso, não é recomendado para gestantes e lactantes, pois pode interferir na saúde do bebê e prejudique a qualidade do aleitamento materno.

Como é uma fruta com sabor e propriedades marcantes, precisa ser consumida com moderação para evitar efeitos colaterais, como o desenvolvimento de intolerâncias alimentares e reações desagradáveis, como a azia.

Aproveite os benefícios dos melhores chás para gripe!

Mulher com a mão na cabeça segurando xícara de chá

Os chás para gripe são uma das melhores opções para fortalecer o organismo e se livrar do vírus. Como um método de tratamento natural, a infusão é mais amigável, além de possuir sabor e aroma maravilhosos.

Ademais, essas bebidas proporcionam outros benefícios, que vão além do alívio dos sintomas da gripe. As plantas medicinais possuem vários nutrientes e antioxidantes em sua composição, ajudando a diminuir as chances de desenvolver muitas doenças.

Entretanto, cada chá deve ser consumido com bom senso e moderação, já que todos apresentam contraindicações que podem prejudicar os portadores de algumas enfermidades. Portanto, é importante consultar um médico antes de iniciar o tratamento.

Vale lembrar também que nenhum chá substitui a avaliação médica. Se os sintomas persistirem ou forem mais graves, não hesite em procurar ajuda.

Autor deste artigo

Jornalista, apaixonada por astrologia e todos os mistérios que envolvem o universo

Palavras-chave relacionadas


chás

Artigos relacionados


Chá de capim-cidreira: para que serve, benefícios, como fazer e mais!

Chá de capim-cidreira: para que serve, benefícios, como fazer e mais!

Você sabe se o chá de capim-cidreira pode ser utilizado por qualquer pessoa e tomado à vontade? Tire essas e muitas outras dúvidas sobre essa bebida aqui!


Chá de Cana-do-brejo: para que serve, efeitos colaterais, como fazer e mais!

Chá de Cana-do-brejo: para que serve, efeitos colaterais, como fazer e mais!

O chá de cana-do-brejo conta com propriedades anti-inflamatórias, adstringentes e que melhoram o funcionamento dos rins. Veja mais!


Chá para gastrite: 10 opções que irão melhorar a queimação no estômago!

Chá para gastrite: 10 opções que irão melhorar a queimação no estômago!

A gastrite causa desconforto e exige tratamento. Mas você sabia que existem chás que auxiliam no alívio dos sintomas? Confira neste artigo 10 receitas de chás!


Para que serve o chá da folha da manga? Benefícios, para sinusite e mais!

Para que serve o chá da folha da manga? Benefícios, para sinusite e mais!

Apresentando ótimos benefícios, o chá da folha da manga conta com nutrientes capazes de fortalecer a saúde, além dos seus ativos. Saiba aqui como fazer!


Chá de sálvia: para que serve, benefícios, propriedades, como fazer e mais!

Chá de sálvia: para que serve, benefícios, propriedades, como fazer e mais!

Além das versões ornamentais, a sálvia tem espécies ideais para a produção do chá, que torna o corpo e a mente mais saudáveis. Saiba mais no artigo!


Últimos posts


Qual o significado do incenso? De alfazema, arruda, camomila, cravo e mais!

Qual o significado do incenso? De alfazema, arruda, camomila, cravo e mais!

Cada incenso possui seu significado e tem um objetivo diferente. Veja aqui o significado dos incensos, sua história e saiba qual se encaixa melhor com você!


Óleo de jojoba: benefícios, para que serve, como usar na pele e no cabelo e mais!

Óleo de jojoba: benefícios, para que serve, como usar na pele e no cabelo e mais!

Quer reconquistar beleza e saúde da sua pele e seus cabelos? Entenda aqui como o óleo de jojoba pode te ajudar naturalmente!


Crenças fortalecedoras: o que são, exemplos, crenças limitantes e mais!

Crenças fortalecedoras: o que são, exemplos, crenças limitantes e mais!

As crenças fortalecedoras auxiliam o processo de caminhada ao longo da vida e estimulam os bons pensamentos. Clique para saber como elas podem te impulsionar!


Quais os tipos de fobias mais comuns? Acrofobia, claustrofobia e mais!

Quais os tipos de fobias mais comuns? Acrofobia, claustrofobia e mais!

As fobias trazem reações negativas ao corpo e a mente, além de causar limitações para quem possui esse transtorno emocional. Clique aqui e entenda melhor!


O que significa sonhar com cobra?

O que significa sonhar com cobra?

Sonhar com cobra nem sempre significa algo ruim, a cobra também pode simbolizar um processo de evolução ou transformação. Para entender melhor, veja a seguir!