Chá de Insulina vegetal: para que serve, benefícios, como tomar e mais!

Chá de Insulina vegetal: para que serve, benefícios, como tomar e mais!

Neste artigo, vamos falar mais sobre a insulina vegetal e os seus principais benefícios e propriedades. Confira tudo aqui!


Você conhece o chá de Insulina vegetal?

Insulina vegetal em galhos.

Cissus sicyoides é o nome científico de uma planta peculiar conhecida como uva-do-mato, uva silvestre ou, ainda, insulina vegetal. A planta pode ser encontrada em vários locais do Brasil e ficou conhecida até internacionalmente por causa de suas propriedades medicinais.

O termo “insulina vegetal”, que denomina a Cissus sicyoides na maioria dos locais, refere-se ao conjunto de propriedades da planta em torno do controle e até da prevenção do diabetes. A título de informação, insulina é o hormônio responsável por metabolizar o açúcar quando ele é ingerido, impedindo que se acumule na corrente sanguínea e causando a hiperglicemia.

Neste artigo, vamos falar mais sobre a insulina vegetal e os seus principais benefícios e propriedades. Além disso, trataremos do “milagroso” chá de insulina vegetal, que é uma infusão querida por muitas pessoas e culturas.

Entendendo mais sobre o chá de Insulina vegetal

Árvore de insulina vegetal.

Para iniciarmos o nosso artigo como se deve, trouxemos três tópicos que informam de uma maneira simples os principais detalhes sobre a insulina vegetal e o seu chá. Conheça a origem da insulina vegetal e suas principais características, e também as propriedades e serventia do chá que é feito com a planta!

Origem e características da Insulina vegetal

A Cissus sicyoides, bem como outras variedades da insulina vegetal, como a Cissus verticillata, pode ser encontrada em toda a América do Sul, Central e Caribe, seja em florestas, cerrados, descampados e até na caatinga.

Além de bastante resistente e adaptável, essa classe de plantas medicinais possui características familiares que facilitam muito a sua identificação. Inclusive, identificar corretamente o tipo de insulina vegetal antes de consumi-la é de suma importância.

A insulina vegetal pode ser encontrada em forma de trepadeira, presa a paredes de pedra ou alvenaria, e de árvores, por exemplo, podendo alcançar até 10 metros de altura nessa versão. Pode ainda ser vista na forma de um pomposo arbusto de até 3 metros de altura. Nesta versão, o caule central da planta costuma ser flexível e conter alguns pelos, além de possuir folhas ovaladas e levemente pontiagudas.

Há de se notar, por fim, a presença de pequenos frutos que muito se assemelham a uvas ou jabuticabas. Dessa característica vem o apelido de “uva-do-mato”, também usado para se referir à insulina vegetal.

Para que serve o chá de Insulina vegetal?

O principal e mais impressionante uso medicinal do chá de insulina vegetal é o controle da diabetes. Já existem estudos que comprovam que a uva-do-mato contém compostos capazes de fazer literalmente o trabalho da insulina, auxiliando na metabolização e eliminação do excesso de açúcar no sangue e aliviando o estresse hiperglicêmico.

Porém existem alguns outros usos atribuídos à infusão feita com a planta, como o combate a infecções e inflamações, dores locais e até problemas respiratórios graves, que costumam ter uma regressão em seus sintomas com a ingestão do chá.

Propriedades do chá de Insulina vegetal

Todos os benefícios do chá de insulina vegetal e de outros usos dessa planta medicinal são provenientes das muitas propriedades do produto natural. Conheça alguns dos compostos presentes a seguir:

• É rica em flavonoides e vários outros tipos de antioxidantes naturais;

• Possui alta concentração de anti-inflamatórios naturais;

• Suas folhas são ricas em minerais essenciais, como cálcio, fósforo e potássio;

• É rica em resveratrol.

Benefícios do chá de Insulina vegetal

Árvore com uva-do-mato.

Todas as propriedades do chá de insulina vegetal geram benefícios ao corpo, como já pudemos notar. Entenda abaixo oito desses benefícios de forma mais detalhada!

Reduz os níveis de açúcar no sangue

Algumas evidências científicas colhidas ao longo dos anos apontam a Cissus sicyoides como uma das plantas mais poderosas quando o assunto é controle da glicemia. Não é por acaso que ganhou a alcunha de “insulina vegetal”.

Acontece que uma molécula chamada rutina, que é formada por um conjunto de flavonoides, pode melhorar vários aspectos orgânicos do corpo humano quando entra em contato com a corrente sanguínea. Uma dessas melhorias é o aceleramento da metabolização do açúcar, função que é ocupada naturalmente pela insulina.

Como os diabéticos possuem deficiência em insulina, a rutina assume o posto, eliminando o excesso de açúcar no sangue. Apesar de não ser capaz de curar o diabetes, a insulina vegetal pode reduzir em até 20% a incidência no corpo do indivíduo acometido.

Melhora a circulação sanguínea

A insulina vegetal possui em sua composição uma série de bioflavonoides e outras substâncias que atuam no combate à ação dos radicais livres.

Dentre a lista de males causados pelos radicais livres está a formação de placas de gordura que tornam o sangue mais espesso e obstruem veias e artérias. Com a ação dos flavonoides, os radicais livres perdem a sua força de ação, o que acaba em última instância, limpando o sangue e melhorando a sua fluidez.

Protege a saúde do coração

Os mesmos radicais livres que prejudicam a circulação sanguínea por provocarem o entupimento de veias e artérias e engrossar o sangue também podem causar doenças cardiovasculares, como o AVC e o infarto.

Como sabemos, a insulina vegetal possui flavonoides que destroem os radicais livres. Além disso, o efeito desintoxicante da insulina vegetal também livra o corpo de substâncias nocivas e do excesso de minerais como o sódio, que provoca uma pressão no sistema vascular e também pode causar doenças cardiovasculares.

Fortalece o sistema imunológico

O sistema imunológico do corpo humano é composto por vários tipos de células especiais que servem exclusivamente para combater patógenos que eventualmente venham a invadir o organismo, como vírus, bactérias e fungos, por exemplo.

A insulina vegetal possui diversos tipos de flavonoides que fortalecem as células de defesa, como os glóbulos brancos, além de agirem eles mesmos como defensores, combatendo os radicais livres. Mas, além dos flavonoides antioxidantes, a uva-do-mato também contém elevadas quantidades de antocianinas, substâncias que fazem a pigmentação dessas plantas e também promovem a defesa do corpo.

Age no combate de gripes e resfriados

Todo e qualquer resfriado ou gripe sazonal é resultado de dois fatores agindo em comum. Em primeiro lugar, há uma queda nos níveis do sistema imune do corpo e, em segundo, há uma proliferação exagerada de determinado tipo de patógeno que ataca as vias aéreas.

O chá de insulina vegetal, assim como vários outros tipos de chás, cai como uma “bomba” entre os microorganismos causadores de gripes e resfriados, eliminando-os. Isso acontece por causa de uma junção das propriedades da Cissus sicyoides, que torna a planta um verdadeiro antisséptico natural.

Age no tratamento de problemas respiratórios

Os problemas respiratórios, sobretudo algumas doenças crônicas, são resultado de infecções por vírus, bactérias e fungos que danificam os tecidos dos brônquios, pulmões ou alguma outra estrutura usada pelo corpo para fazer a troca do oxigênio.

Essas enfermidades podem ser agudas, durando um curto espaço de tempo e desaparecendo em seguida, mas podem também ser crônicas, como resultado do comprometimento das vias respiratórias.

Para tratar ou controlar esses problemas, as pessoas podem se valer do chá de insulina vegetal. Ele tem a capacidade de eliminar os vírus que causam doenças respiratórias agudas e também ajudar no tratamento de doenças respiratórias crônicas, atuando na desobstrução de vias, com a expulsão do excesso de muco (catarro), por exemplo.

Possui ação anti-inflamatória

Os chamados processos inflamatórios são acontecimentos normais no corpo humano. Eles nada mais são do que resultados de respostas agressivas do sistema imunológico a infecções provocadas por corpos estranhos em qualquer tecido do corpo.

Por exemplo, se uma pessoa sofre um corte no dedo e o ferimento “infecciona”, isso quer dizer que bactérias oportunistas se instalaram na ferida e foram atacadas imediatamente por células de defesa. Neste caso, os glóbulos brancos, criando um processo inflamatório que deve ser controlado para gerar a cicatrização.

No interior do corpo humano, ocorrem processos semelhantes que causam doenças diversas, como a gastrite. Nesses casos, o chá de insulina vegetal pode ajudar tanto na assepsia das inflamações internas quanto no combate aos causadores da inflamação, que geralmente são os radicais livres.

Fonte de minerais

Vale sempre destacar e reiterar a grande quantidade de minerais que existem na insulina vegetal. Essa planta possui praticamente todos os minerais possíveis, mas tem quantidades consideráveis de três, em especial: cálcio, potássio e fósforo.

O cálcio é o mineral responsável pelo fortalecimento dos ossos e de várias outras estruturas do corpo. Já o fósforo é um mineral auxiliar que age principalmente “ajudando” o cálcio e na produção de energia do corpo.

O potássio, por sua vez, tem um papel importantíssimo. Ele é capaz de relaxar as paredes das artérias, o que melhora a circulação sanguínea e evita diversos tipos de doenças cardiovasculares, como hipertensão, AVC e outras.

Receita de chá de Insulina vegetal

Copos com chás de diversos sabores.

De nada adianta falar da insulina vegetal e de sua aclamada infusão sem saber como fazer a bebida. Portanto, veja abaixo quais ingredientes utilizar e como preparar o chá de insulina vegetal!

Ingredientes

Confira a seguir a lista de ingredientes para o chá:

- 20 g (2 colheres de sopa) de folhas de insulina vegetal secas;

- 1 litro de água potável.

Como fazer e como tomar

Para começar, coloque a água em uma panela e leve-a ao fogo. Em seguida, adicione as folhas de insulina vegetal e coloque a água para ferver. Quando ferver, desligue o fogo, coloque uma tampa no recipiente e espere a infusão acontecer por cerca de 10 minutos.

Passado o período de infusão, retire o chá da panela, coe-o, e ele estará pronto para o consumo. O consumo recomendado é de apenas 1 xícara por dia, por até 3 dias seguidos.

Para que tenha o efeito esperado em vez de efeitos colaterais, o chá precisa ser consumido sob a orientação médica. Tomar chá de insulina em excesso causa hipoglicemia, que é a queda acentuada nos níveis glicêmicos.

Outras informações sobre o chá de Insulina vegetal

Xícara de chá ao lado de livro aberto e folhas de camomila.

Antes de finalizar o nosso compilado de informações valiosas, trouxemos mais algumas informações sobre a insulina vegetal e o seu chá. Veja mais dicas para fazer a infusão, outras formas de utilizar a insulina vegetal, alguns efeitos colaterais que podem surgir com o uso do chá e muito mais!

Dicas para fazer o seu chá de Insulina vegetal

A principal e mais importante dica sobre o preparo do chá de insulina vegetal é não tentar mudar a receita. Para absorver as substâncias presentes na planta e, com sorte, conseguir controlar o diabetes ou ter outros benefícios, basta seguir o passo a passo simples e ingerir a infusão da forma correta.

No mais, é indicado escolher sempre folhas secas da uva-do-mato, pois elas possuem formas mais acuradas dos compostos. Além disso, para tirar um pouco do gosto amargo do chá, é indicado o uso de adoçantes naturais, como o mel. Açúcar refinado e adoçantes industrializados podem ser usados, mas não são indicados para o consumo em nenhuma hipótese.

Ervas e plantas que combinam com o chá de Insulina vegetal

O mais indicado para o consumo do chá de insulina vegetal é a versão pura da infusão. Entretanto, algumas pessoas desejam fazer misturas de ervas e combinações que podem potencializar os resultados medicinais.

Nestes casos, as plantas que mais podem combinar com a insulina vegetal e compor um chá que não seja tóxico são as da sua própria família, a família vegetal Vitaceae. Essa classe de plantas inclui árvores famosas, como a videira, que produz a uva.

É claro que tudo isso é só uma suposição com base na lógica da biologia das plantas. Porém especialistas em infusões e cientistas são as melhores pessoas para indicar as mais saudáveis combinações para o chá de insulina vegetal.

Outras formas de usar a Insulina vegetal

Por ser uma planta versátil e poderosa, a insulina vegetal não tem no seu chá a única forma de consumo e uso. Existem mais duas formas que podem ser adotadas nesse sentido, que são a compressa de insulina vegetal e o xarope dessa planta. Veja como eles funcionam e como fazê-los.

Compressas de Insulina vegetal

As famosas compressas de insulina vegetal são métodos tradicionais da medicina tradicional. Elas servem para combater inchaços, abscessos, inflamações de pele e inflamações musculares, e para fazer a assepsia de ferimentos, por exemplo.

A aplicação da compressa consiste em amassar uma ou duas folhas de insulina vegetal ainda frescas e colocá-las sobre o local afetado. Em seguida, basta colocar um pano umedecido com água quente sobre o local e fixá-lo.

Xarope de Insulina vegetal

O xarope feito com insulina vegetal não é um produto tão comum de ser encontrado. Essa substância é mais comumente encontrada entre os componentes de outros xaropes e preparados vendidos em farmácias e lojas de produtos naturais.

Contudo, a substância possui os mesmos benefícios do chá de insulina vegetal, bem como suas contraindicações. Há também a possibilidade de fabricação do xarope de insulina vegetal de forma caseira, em uma maneira semelhante ao que é visto no preparo do chá, mudando apenas o tipo de folha usada e a adição de alguns outros componentes na mistura.

Possíveis efeitos colaterais do chá de Insulina vegetal

O consumo do chá de insulina vegetal não costuma apresentar efeitos colaterais violentos como alguns outros chás. Porém o seu uso correto e consciente não pode ser ignorado.

Quando tomado em grandes quantidades ou sem que haja intervalos entre as doses, o chá pode provocar uma drástica diminuição dos níveis de açúcar no sangue. Essa condição é chamada de hipoglicemia e pode levar à morte tanto quanto os picos de hiperglicemia.

Além disso, é sabido que a planta possui certo nível de toxicidade e, se tomada em excesso, pode causar inflamações severas no fígado e chegar a causar hepatite ou cirrose, por exemplo.

Contraindicações do chá de Insulina vegetal

Pessoas que estejam fazendo tratamentos intensivos contra o diabetes não devem tomar o chá de insulina vegetal. Quem toma medicamentos regulares para controle dos níveis glicêmicos, como a metaformina, também estão proibidos de fazer uso da infusão.

Crianças menores de 10 anos de idade e idosos que tenham comorbidades sérias não devem tomar o chá. Já mulheres grávidas, lactantes ou que estejam amamentando devem evitar o consumo por causa dos possíveis riscos de aborto ou interferência na qualidade do leite, respectivamente.

Preço e onde comprar a Insulina vegetal

Apontar um preço para a insulina vegetal é complicado, pois esse produto natural tem sido comercializado em todo o território nacional e em várias formas diferentes. Inclusive, existem muitas substâncias totalmente sintéticas e industrializadas que estão sendo comercializadas com o nome de insulina vegetal, quando, na verdade, não são.

Apesar de tudo, alguns xaropes de insulina vegetal, comercializados por lojas sérias na internet, podem ser encontrados a partir de R$ 30,00. Já as folhas da uva-do-mato, próprias para a confecção do chá e de compressas, são comercializadas a partir de R$ 50,00 o quilo.

Vale ressaltar que produtos à base de insulina vegetal e a planta em sua forma in natura são vendidos também em lojas de produtos naturais e farmácias. Esses estabelecimentos podem ser encontrados em várias cidades do país de forma física, além das versões virtuais.

O chá de Insulina Vegetal possui diversos benefícios!

Xícara de chá sobre pires.

Como pudemos ver ao longo desse artigo, o chá de insulina vegetal realmente possui diversas propriedades interessantes. Essa infusão pode, comprovadamente, baixar em cerca de 20% os níveis de açúcar no sangue, o que já é impressionante por si só.

Mas, para além do controle glicêmico, a insulina vegetal se mostra como um poderoso agente anti-inflamatório, antisséptico, antioxidante e fornecedor de nutrientes para o corpo.

Porém o uso da planta deve ser feito de forma controlada e de preferência sob a supervisão de um médico ou de um fitoterapeuta. O consumo indiscriminado da insulina vegetal pode causar graves problemas, como hipoglicemia (glicemia muito baixa) e inflamações no fígado, além de efeitos ainda piores nos grupos de risco.

Autor deste artigo

Professor de História, técnico em Recursos Humanos e Redator Web.

Palavras-chave relacionadas


chás

Artigos relacionados


Chá de camomila com limão: para que serve, benefícios, como fazer e mais!

Chá de camomila com limão: para que serve, benefícios, como fazer e mais!

O chá de camomila com limão é a união perfeita entre as propriedades calmantes e um toque cítrico delicioso. Leia o artigo e descubra todos os seus benefícios.


Chá de sucupira: para que serve, como fazer e mais sobre a semente!

Chá de sucupira: para que serve, como fazer e mais sobre a semente!

O chá de sucupira conta com diversos efeitos positivos para a saúde. Efeitos anti-inflamatórios, antioxidantes e alívios para dores de garganta. Veja mais!


Chá para baixar triglicerídeos e colesterol: confira os melhores!

Chá para baixar triglicerídeos e colesterol: confira os melhores!

Os chás que controlam os triglicerídeos e colesterol podem ser consumidos à vontade? Descubra essa e outras dúvidas nesse artigo!


Tipos de chá: confira essa lista com nomes, benefícios, como fazer e mais!

Tipos de chá: confira essa lista com nomes, benefícios, como fazer e mais!

O consumo de chá é benéfico para a saúde, por isso você deve inclui-lo no seu dia a dia. Leia o artigo e descubra qual chá beber para cada situação!


Chá para engravidar: para ovular, para fertilidade, para o homem e mais!

Chá para engravidar: para ovular, para fertilidade, para o homem e mais!

Os chás podem ser grandes aliados de fertilidade quando consumidos da maneira correta. Quer saber mais sobre isso? Leia o nosso artigo completo!


Últimos posts


O que significa sonhar que ganhou na Mega-Sena: quina, prêmio, bilhete e mais!

O que significa sonhar que ganhou na Mega-Sena: quina, prêmio, bilhete e mais!

Nesse compilado nós trouxemos as interpretações de 15 tipos de sonhos em que os sonhadores veem premiações na Mega-Sena e situações semelhantes. Confira!


Sonhar com mãe doente: significado, no hospital, em perigo e mais!

Sonhar com mãe doente: significado, no hospital, em perigo e mais!

Sonhar com mãe doente indica preocupação com uma pessoa importante, especialmente a própria mãe. Mas não só isso. Veja mais aqui!


Banho de Exu: para abrir caminhos, limpeza espiritual, proteção e mais!

Banho de Exu: para abrir caminhos, limpeza espiritual, proteção e mais!

O banho de Exu é uma forma poderosa e eficaz para abertura de caminhos, limpar o campo energético, entre outros exemplos. Leia esse artigo e saiba mais!


Banho de Artemísia: para que serve, propriedades, como fazer e mais!

Banho de Artemísia: para que serve, propriedades, como fazer e mais!

Aprenda aqui como fazer o banho de Artemísia. A erva possui diversos benefícios para a saúde, além de promover limpeza energética, atrair proteção e muito mais!


Sonhar com nota de 2 reais: falsa, rasgada, nova, velha, na carteira e mais!

Sonhar com nota de 2 reais: falsa, rasgada, nova, velha, na carteira e mais!

Sabia que sonhar com nota de 2 reais traz vários significados? Pode revelar prosperidade, mas não fala só de dinheiro. Clique e entenda todas as interpretações!