O que é vampirismo energético? Os tipos, como se proteger e mais!

O que é vampirismo energético? Os tipos, como se proteger e mais!

Ser vítima de um vampiro energético é mais comum do que se pensa. Leia esse artigo e descubra tudo sobre o vampirismo energético e como se proteger dele!


Considerações gerais sobre vampirismo energético

Homem vampiro energético com face séria.

O vampirismo energético é um assunto que se fala muito quando se estuda sobre a espiritualidade, pois é de extrema importância ter informações sobre isso para aprender a se proteger. Os vampiros não são como aqueles descritos na fantasia e não se alimentam de sangue, mas de energia e fluidos vitais das pessoas.

É normal, no começo dos estudos, pensar que só os espíritos trevosos são vampiros energéticos, porém esse pensamento está errado. Qualquer pessoa que esteja encarnada nesse planeta está suscetível a ser um desses vampiros, consciente ou inconscientemente, e isso é mais comum do que se pensa.

Esses seres, ou pessoas, sugam vitalidade, alegria e sonhos de outros indivíduos através de vícios, reclamação, sexo, imitação ou inveja. Esse é um assunto muito importante, e você pode saber mais sobre vampiros energéticos, quais são os tipos e como se proteger deles lendo esse artigo!

Entenda o que é o vampirismo energético

Sombra de vampiro.

Para aprender a se proteger energeticamente dos vampiros, é preciso entender o que é o vampirismo energético e seus simbolismos. Veja algumas informações a seguir!

O que é o vampirismo energético

O vampirismo energético nada mais é do que uma pessoa ou um espírito se alimentar, consciente ou inconsciente, da energia e dos fluidos vitais de outros indivíduos através de sentimentos, pensamentos e atitudes negativas, como brigas, inveja e vícios. Esse tipo de pessoa não consegue ser feliz na vida por estar sempre vibrando em baixas frequências.

Ela se sente incomodada por todas as coisas ruins que acontecem consigo mesma e não acredita ser merecedora da felicidade. Então, acaba espalhando sua negatividade para quem está à sua volta. Quem permitir, mesmo que inconscientemente, ter sua aura sugada, torna-se uma vítima do vampiro energético.

Sua energia é sugada pelo vampiro, que, consciente ou inconscientemente, tenta se sentir bem e preencher o vazio que possui dentro de si. Em consequência, a vítima começa a vibrar em frequências mais baixas, tornando-se mais negativa em relação à vida, ou sente fadiga, exaustão e fica até doente.

Além disso, outros casos comuns de vampirismo é que essas pessoas não conseguem absorver energia vital suficiente sozinhas e, então, acabam sugando de terceiros. Essa absorção de energia ou da aura de um indivíduo ocorre quando ele entra na mesma sintonia que o vampiro e, inconscientemente, autoriza a absorção de sua vitalidade.

Uma forma fácil de descobrir se está sendo sugado por um vampiro energético é perceber se, depois de manter contato com alguém, você se sente esgotado e sem energia. Porém não se esqueça de que você também pode ser um vampiro energético. Portanto, o autoconhecimento é de extrema importância para encerrar essa situação.

Entenda sua simbologia

A ideia desses seres ou encarnados serem representados como vampiros é que, como essas criaturas sugam o sangue de outras pessoas para se alimentar, o vampiro energético suga os fluidos energéticos, emocionais e vitais de suas vítimas para se manter vivo.

A forma como os vampiros energéticos, psíquicos ou emocionais absorvem as energias é pelo quinto chakra, também conhecido como chakra laríngeo, chakra da garganta ou Vishuddha. É através desse chakra que ocorre a comunicação metafísica e a conexão da pessoa física com a espiritual. Ou seja, há a união do ser com o universo.

É através dessa conexão que os vampiros energéticos tentam de conectar com suas vítimas para conseguir absorver suas energias. Portanto, não é à toa que há uma semelhança entre os vampiros da ficção que bebem sangue pelo pescoço com os vampiros energéticos, só que estes sugam os fluidos vitais, deixando suas vítimas fracas, cansadas, sem ânimo, doentes e deprimidas.

Como evitá-lo?

É preciso prestar muita atenção às pessoas ao seu redor e com quem você interage, principalmente as mais próximas, seja na família ou em uma relação amorosa. Aquelas que são as mais próximas são as mais perigosas quando se tornam vampiros energéticos.

Para evitar um vampiro energético encarnado, é preciso descobrir quem está sugando a sua energia e como está conseguindo fazer isso. Depois, encontre uma forma de desligar a conexão energética com essa pessoa, seja se afastando, não dando atenção às coisas negativas que fala, impondo limites, orando, entre outras maneiras.

Quando se trata de vampiros espirituais, as formas para evitá-los podem ser parecidas, porém o foco está no autoconhecimento, na maturidade emocional, na disciplina e na proteção da aura. Não se conectar com vícios, notícias ou sentimentos negativos, ter mais pensamentos positivos, orar e usar amuletos e banhos de limpeza ajudam a manter esses seres longe de si.

Os principais tipos de vampirismo energético

Homem incomodando funcionária em escritório.

Existem diversos tipos de vampiros energéticos, e cada um age de uma ou mais maneiras para conseguir sugar as energias das pessoas e preencher o vazio dentro de si próprios. Veja, nos tópicos a seguir, os detalhes sobre cada um para identificá-los e se proteger!

O vampiro adulador

O adulador é o famoso “puxa-saco”, aquele tipo de pessoa que vive fazendo falsos elogios a alguém em específico, amaciando o ego da vítima. O vampiro adulador espera que suas bajulações lhe tragam algum benefício material, emocional ou até energético.

Por exemplo, é aquele funcionário que vive elogiando seu chefe, sempre fala muito bem de seu patrão e faz tudo para receber algum mérito, cargo, aumento ou confiança. Se não consegue se livrar desse vampiro, ignore todas as admirações e belas palavras que lhe disser para não abrir um espaço em sua aura para sua energia ser sugada.

O vampiro vítima

Dificilmente um vampiro vitimista vai assumir as consequências e responsabilidades de suas atitudes. Ele vai sempre jogar a culpa nos outros e acreditar que todos o odeiam. Monopoliza a atenção, faz-se de coitadinho, tenta mostrar às pessoas como é fraco e faz jogos de manipulação, uma atitude comum presente na dependência emocional.

Esse comportamento vem de sua baixa autoestima, pois é uma pessoa que não recebeu amor, carinho e atenção. Para não ter sua energia sugada e alimentar o vampiro, ignore, não se envolva e diminua a interação com a pessoa ao vê-la culpando alguém ou manipulando para receber atenção.

O vampiro intimidador

O vampiro intimidador é aquele que sempre fala de modo imperativo para intimidar e dominar as pessoas, atacando e inibindo opiniões alheias e impedindo que os outros consigam expor o que pensam. Esse tipo de atitude pode fazer com que um indivíduo tenha medo de falar o que sente e o que quer.

Uma dica para lidar com esse tipo de vampiro é manter uma postura firme e tranquila, sem demonstrar medo ou inquietação na hora de dialogar ou debater. Lembre-se de que ninguém tem o direito de controlar a vida do outro, e o intimidador pensa que pode conseguir o que deseja através do medo e da ameaça.

O vampiro narcisista

O narcisista é o vampiro que age, inconsciente ou conscientemente, colocando-se sempre em primeiro lugar. É um tipo de pessoa que manipula as outras com um encanto e, quando há um envolvimento emocional, age de forma maldosa pelas suas costas, causando insegurança e baixa autoestima.

É semelhante a um relacionamento abusivo, em que o companheiro te envolve emocionalmente, deixa você dependente e, então, começa as humilhações, os términos e recomeços. Para se livrar desse vampiro, limite o contato, não satisfaça todas as suas vontades e mostre que seus interesses só são benéficos para si próprio.

O vampiro "bonzinho"

O vampiro “bonzinho” é o menos descarado, pois ele age silenciosamente e dificilmente alguém percebe que está sendo manipulado ou sendo sugado pelo mesmo. Seu modo de agir é no emocional, proporcionando tudo o que o outro necessita para ter reconhecimento e ser valorizado.

Ou seja, pode estar sempre disponível para alguém, mas sua ajuda não é genuinamente bondosa, pois ele quer preencher um vazio e receber atenção. Quando não consegue o que quer, cobra e culpa a pessoa por não dar o que desejava. Então, tome cuidado com quem se passa por uma “pessoa boazinha”.

O vampiro melodramático

A falta de amor durante a fase infantil e juvenil e a dificuldade em lidar com os problemas da vida real fazem com que a pessoa acabe se tornando um vampiro melodramático. Assim, sua realidade gira em torno de situações dramáticas e ficcionais. A pessoa sempre aparece com novos problemas e dramas, principalmente em relação à família ou ao amor.

Também podem buscar crises, doenças ou conflitos para ganhar a atenção das pessoas ou se sentirem importantes, pois querem preencher um vazio que possuem. Portanto, preste atenção em como o vampiro age tentando te envolver em seus problemas, não pegue as dores dos outros como suas e evite se envolver em suas situações caóticas.

O vampiro sedutor

O vampiro sedutor pode se parecer com o bajulador, porém esse tenta fazer o outro se sentir poderoso através da sexualidade. O parceiro pode pensar que é muito bom na cama, mas está sendo iludido para que possa ter sua energia sugada através do sexo, pois a energia sexual é mais intensa e poderosa.

Por conta disso, é preciso tomar muito cuidado ao ter relações sexuais com alguém, principalmente as casuais, em que o parceiro some depois de conseguir o que queria. Então, escolha pessoas que sejam seguras de si, que não precisem enaltecer ou diminuir sua sexualidade e que te tratem com respeito e carinho.

O vampiro hipocondríaco

Na lista de vampiros energéticos, o hipocondríaco pode se parecer com o dramático, pois possui uma doença nova a cada dia ou diz que sua dor de estômago é um câncer, e está sempre aumentando pequenos desconfortos, como se fosse um enorme sofrimento. Esse drama é uma forma de chamar a atenção das pessoas, despertando preocupação.

Ao perceber que o indivíduo está querendo chamar a atenção para si, fazendo drama com uma doença ou até com um simples resfriado, não dê muita corda para o que diz. Ajude a cuidar da pessoa em casa ou a leve ao médico, se for preciso.

O vampiro indefeso

Identificar um vampiro indefeso pode ser complicado, pois existem pessoas que realmente precisam de ajuda, e é difícil saber quando se está falando a verdade. Esse vampiro pede ajuda para qualquer problema ou tarefa, mesmo que saiba resolver suas questões.

No entanto, não é preciso deixar de ajudar as pessoas por pensar que pode estar lidando com um vampiro energético. Ajude, mas faça com a consciência de que as outras precisam aprender a resolver seus próprios problemas. Não deixe de cuidar de si mesmo e não abrace os problemas de terceiros como se fossem seus.

O vampiro julgador

O vampiro julgador é aquele que possui uma autoestima muito baixa e não consegue ver outras pessoas se dando bem. Então, começa a tratar os outros de forma maldosa. Ele ataca a autoestima através de gostos pessoais, roupas, alimentação, escolhas profissionais e etc.

Essa atitude é um reflexo de como a pessoa se trata: ataca suas vítimas pela insegurança, humilhando e diminuindo. Portanto, não se importe com o que esse tipo de vampiro diz, pois sua autoestima fragilizada o faz agir assim. Apenas mantenha a mente firme e não deixe de ser educado.

O vampiro controlador

Um vampiro controlador consegue o que quer através de ameaças, intimidações e ataques às inseguranças de sua vítima. Com a autoestima baixa e o emocional fragilizado, fica mais fácil para o vampiro se sentir superior e fazer sua vítima obedecer às suas ordens.

Por possuírem crenças limitantes e medo de que tudo saia errado, é comum que essa pessoa tente controlar tudo e todos ao seu redor. Então, discorde de todos os pontos que não concordar, não se assuste quando o vampiro tentar te intimidar e veja como tenta te controlar.

O vampiro perdido

Aquelas pessoas que estão sem rumo na vida, que não sabem o que fazer ou para onde ir e tendem a fazer tudo o que a maioria está fazendo são chamadas de vampiros perdidos. Elas preferem se perder em vícios e sensações prazerosas, como festas, bebidas alcóolicas e sexo, convidando os amigos mais próximos para aproveitarem esses prazeres também.

Além disso, tendem a persuadir seus colegas e amigos até que cedam à tentação, prometendo diversão e liberdade, porém, no fim das contas, acabam prejudicando a vida de todos. Para se livrar desse vampiro, estabeleça limites, mantenha-se firme em suas decisões e não se assuste caso essa pessoa cortar relações por escolher não se aventurar junto.

O vampiro reclamão

O tipo de vampiro energético mais comum e que é possível encontrar rapidamente pelas redes sociais é o reclamão. Ele está sempre reclamando de qualquer coisa que vê ou que acontece, seja sobre as notícias relacionadas ao governo, o clima, uma problematização, entre outras.

Gosta de se opor a tudo, mesmo que não possua argumentos válidos para criticar uma ideia, um projeto ou um entretenimento, e nada nunca estará bom o suficiente. Caso o vampiro reclamão seja outra pessoa, o melhor é deixá-la reclamar sozinha e evitar reclamar também para não adentrar nessa faixa vibratória.

Como se proteger do vampirismo energético

Homem e mulher brigando.

Os ataques dos vampiros energéticos vêm de todos os lados, e podem vir até de um ente querido que parece inofensivo ou de um melhor amigo. Apesar de esses ataques surgirem de todas as direções e pessoas possíveis, dá para evitar ser mais uma vítima do vampirismo energético. Veja algumas dicas a seguir!

Atitude positiva

Uma forma de manter os vampiros afastados e blindar seu campo energético é ter atitudes e pensamentos positivos, mesmo que as coisas não saiam como planejado. Também é importante manter contato com pessoas que tenham atitudes positivas e que te tratem bem. Isso cria uma incompatibilidade com a baixa vibração dessas pessoas que, aos poucos, vão desistindo de sugar sua energia e se afastam.

Reclamar, xingar ou comentar alguma notícia com raiva abaixa a vibração e abre seu campo para esses vampiros. Além disso, evite lugares e pessoas que te deixam desanimadas ou com a sensação de exaustão. Situações ruins acontecem nas vidas de qualquer um, porém não se deixe levar pelas emoções nesses momentos.

As pedras de proteção

Uma maneira fácil de se proteger contra vampiros energéticos é carregar no bolso, na bolsa ou em forma de bijuteria, uma pedra de proteção. Alguns tipos de pedras e cristais ajudam a bloquear o roubo de sua energia e afastam energias negativas e pessoas que só aparecem para te prejudicar.

As pedras mais comuns e com preço acessível que podem ser usadas para proteção são: Turmalina preta, Cianita preta (vassoura de bruxa), Ônix, Hematita, Olho de tigre e Jaspe vermelho. Elas podem ser usadas em brincos, pulseiras, anéis, chaveiros, pingentes ou simplesmente colocadas no bolso da calça.

Banhos

Os banhos de ervas são excelentes para limpar energias, miasmas e larvas astrais que estejam em sua aura. Ao retirar todo esse “lixo” energético, a conexão com os vampiros é drasticamente diminuída ou eliminada, além de trazer uma sensação de leveza e tranquilidade.

Por isso, prepare um banho de sal grosso com ervas, como o alecrim e a arruda, e jogue pelo corpo, do pescoço para baixo, após o banho comum. É recomendado tomar um banho com ervas que restaurem as energias após o primeiro, como anis estrelado, sálvia ou rosa branca, pois o sal grosso limpa tanto as energias negativas quanto as positivas.

Viva com qualidade: proteja-se do vampirismo energético!

Vampira energética reclamando com amiga.

Identificar um vampiro energético e se proteger dele pode não ser uma tarefa fácil, pois todas as pessoas têm seus defeitos e estão sujeitas a erros. Elas acabam julgando alguém, xingando, reclamando, caindo em um vício e atraindo um sugador de energia para perto de si.

Assim, é necessário levar uma vida com qualidade, mantendo-se equilibrado, em harmonia, confiante, positivo, assumindo os próprios erros e trabalhando para se melhorar. A meditação e o autoconhecimento são ferramentas importantes para esse progresso.

Assim, os vampiros energéticos se mantêm cada vez mais afastados, pois não têm a abertura em sua aura que precisam para sugar sua energia. Se for alguém que precisa estar interagindo, como pais ou colegas de trabalho, proteja-se com amuletos, pedras, banhos, orações e sabendo como lidar com ele!

Autor deste artigo

Leitora, entusiasta de esoterismo e espiritualidade, estudante de administração.

Palavras-chave relacionadas


energias

Artigos relacionados


Qual o significado da cor da aura? Amarela, verde, vermelha, azul e mais!

Qual o significado da cor da aura? Amarela, verde, vermelha, azul e mais!

A cor da aura sinaliza as energias que envolvem o ser humano. Descubra aqui o que as cores significam, como fazer para enxergá-las e muito mais.


As leis do universo: lei da atração, da vibração, da unidade, do retorno e mais!

As leis do universo: lei da atração, da vibração, da unidade, do retorno e mais!

As leis do universo regem os movimentos humanos e de todo o cosmos. Elas sinalizam qual caminho devemos seguir, visando a evolução espiritual. Confira!


O poder do pensamento positivo: como ter uma mente positiva e mais!

O poder do pensamento positivo: como ter uma mente positiva e mais!

Escolher os pensamentos pode ser a diferença entre uma vida saudável e plena e dificuldades constantes. No artigo, saiba mais sobre o poder da mente!


Como descobrir meu arquétipo animal? Técnicas, Animal Totem e mais!

Como descobrir meu arquétipo animal? Técnicas, Animal Totem e mais!

Os arquétipos animais ou animais do poder são grandes aliados no desenvolvimento espiritual. Veja aqui como descobrir o seu.


Você conhece o pêndulo espiritual? Veja o que é, como usar e mais!

Você conhece o pêndulo espiritual? Veja o que é, como usar e mais!

Conheça o pêndulo espiritual, o que é, como usar para conseguir respostas a dúvidas e como cuidar de seu pêndulo de cristais e pedras.


Últimos posts


O que significa sonhar com bingo? Cartela, números, jogando e mais!

O que significa sonhar com bingo? Cartela, números, jogando e mais!

Sonhar com bingo traz revelações importantes, principalmente sobre sua vida financeira e profissional. Leia o artigo completo para saber mais!


Oração para encontrar um amor: a pessoa certa, o amor verdadeiro e mais!

Oração para encontrar um amor: a pessoa certa, o amor verdadeiro e mais!

Se você está procurando um grande amor, não perca tempo e faça uma oração. Leia o artigo e confira o que é preciso para encontrar a sua alma gêmea!


Depressão profunda: o que é, causas, sintomas, como vencer e mais!

Depressão profunda: o que é, causas, sintomas, como vencer e mais!

Depressão profunda é a fase mais grave do transtorno psicológico, mas tem tratamento e o paciente precisa de apoio. Saiba mais aqui!


Signo do Cavalo no horóscopo chinês: características, elementos e mais!

Signo do Cavalo no horóscopo chinês: características, elementos e mais!

Descobriu que o Cavalo é o seu signo do horóscopo chinês? Leia o artigo e confira quais são as suas características segundo a astrologia oriental!


Sonhar com chiqueiro: cheio de porcos, vazio, alagado, com lama e mais!

Sonhar com chiqueiro: cheio de porcos, vazio, alagado, com lama e mais!

Neste artigo, descobriremos o que significa sonhar com chiqueiro. Vamos conhecer diversas variações desse sonho e compreender como eles são, na verdade, avisos.


Palavras do momento

Palavras-chave do momento no Sonho Astral


horas animais signos búzios orações religiões números