Terçol: significado espiritual, causas físicas, causas emocionais e mais!

Terçol: significado espiritual, causas físicas, causas emocionais e mais!

Neste artigo, falaremos sobre o terçol. Muitas pessoas experimentaram o incômodo de ter terçol, mas nem todo mundo conhece seu significado espiritual. Confira!


Afinal, o terçol possui um significado espiritual?

Pessoa com olho fechado com terçol

É sabido que muitas doenças e distúrbios que afetam o corpo têm uma origem emocional, isto é, psicossomática. Quando o corpo somatiza, ele está respondendo de modo físico a questões interiores não tratadas. Porém, existem também causas espirituais para algumas dores e doenças.

O terçol é uma infecção bacteriana, uma lesão em forma de nódulo, que apresenta vermelhidão e dor na borda da pálpebra. Ele se dá pela obstrução de pequenas glândulas no local. Obstrução é, aqui, a palavra-chave para compreender o significado espiritual do terçol.

Dizem que os olhos são as janelas da alma. O significado espiritual de doenças dos olhos diz respeito ao modo como recebemos as experiências. Manifestações como o terçol são sinais de que de precisamos despertar para um novo olhar sobre as coisas. Leia para entender tudo!

Quais são as causas do terçol?

Homem com terçol

Conheceremos as causas do terçol, abordando questões físicas, espirituais e emocionais que podem desencadear esse tipo de infecção. Leia, a seguir, informações detalhadas sobre o terçol e os fatores que estimulam seu surgimento.

Causas físicas do terçol

O terçol é resultado de uma infecção bacteriana nas pequenas glândulas de óleo ou folículo piloso localizadas nas pálpebras. Quando essas glândulas e folículos ficam obstruídos, isto é, entupidos com células mortas da pele e outros minúsculos detritos, desenvolve-se uma lesão nodular.

A infecção é, portanto, uma consequência do acúmulo de bactérias presas no interior dessas glândulas. Porém, além da infecção bacteriana, existem outros fatores que estimulam o terçol, como imunidade baixa, blefarite, excesso de oleosidade na pele, remoção inadequada de maquiagem e outros problemas nas glândulas.

Além disso, veremos que papel as questões emocionais e espirituais desempenham no desenvolvimento do terçol.

Imunidade baixa

O enfraquecimento do sistema imunológico é causado por diversos fatores, como, por exemplo, algumas doenças crônicas e o uso de medicamentos. Quando o corpo tem sua defesa contra os microrganismos reduzida, o risco de desenvolver terçol aumenta significativamente.

Assim, quando um terçol surge, a imunidade provavelmente está mais baixa, mas isto pode não se dever a doenças, sendo uma consequência também de hábitos ruins, privação do sono e deficiência de vitaminas.

Infecção bacteriana

Um terçol causado por Infecção bacteriana ocorre com a proliferação de bactérias em glândulas oculares, especialmente as da borda da pálpebra. Essas glândulas ficam obstruídas por uma série de razões, como o excesso de microrganismos como sujeira e até mesmo células mortas acumuladas.

A Infecção bacteriana que gera o terçol é causada por uma bactéria do tipo chamado estafilococos (Staphylococcus aureus). Essa bactéria habita a pele e é geralmente inofensiva, mas o seu acúmulo em glândulas ou folículos pode desencadear um processo infeccioso.

Blefarite

A Blefarite é uma inflamação crônica não contagiosa, porém sem cura, que afeta geralmente ambos os olhos ao longo das bordas das pálpebras. O seu surgimento se deve ao entupimento das glândulas sebáceas localizadas na base dos cílios, causando irritação, descamação, vermelhidão e sensação de ter um corpo estranho no olho.

O terçol pode ser uma consequência da blefarite, sendo bastante comum em pessoas que são acometidas por essa doença oftalmológica.

Problemas nas glândulas

Existem pequenas glândulas que revestem as pálpebras superiores e inferiores. Elas ficam localizadas logo atrás da linha dos cílios. Essas glândulas são responsáveis pela lubrificação da superfície do olho, permitindo uma visão clara.

Como quaisquer glândulas que fazem parte da pele, elas podem ficar obstruídas, criando um ambiente receptivo para as bactérias. Essa é uma causa comum para o surgimento de terçol na pálpebra, e ocorre porque quando as glândulas estão bloqueadas, os olhos ficam sensíveis e expostos a partículas e bactérias.

Pele oleosa

Pessoas com a pele oleosa têm maior propensão a desenvolver terçol, devido ao excesso de secreção que as glândulas da pele produzem. É por isto que o terçol é bastante comum nos adolescentes, devido à desregulação hormonal, assim como em outras pessoas que passam por alterações nos hormônios.

Quando a base dos cílios recebe acúmulo de oleosidade, pode bloquear a saída normal da secreção e criar um ambiente propício à proliferação de bactérias, gerando a inflamação.

Remoção inadequada de maquiagem

A maquiagem, assim como as extensões de cílios, atraem muita sujeira e bactérias, e seu acúmulo pode entupir as glândulas. Quando a maquiagem não é removida de maneira adequada, isto é, cuidando de retirar todos os resíduos e manter a pele limpa, as glândulas sebáceas da pálpebra ficam propensas à infecção.

É importante que quem usa maquiagem opte por produtos menos oleosos para removê-la, pois certos produtos retiram os resíduos, mas adicionam oleosidade à pele. E lembre-se de jamais compartilhar utensílios de maquiagem como pinceis.

Causas emocionais do terçol

Todos os órgãos do corpo correspondem a canais energéticos por onde as emoções fluem. Os olhos, nesse sentido, são uma porta de entrada, ou uma janela para as experiências. O que vemos e o que nos acontece passa pelos sentidos, e além de serem os órgãos da visão, os olhos têm importância quando falamos de assimilação dos nossos sentimentos.

Quando uma pessoa passa por um momento de crise, em que está tendo dificuldade para encontrar saídas ou enxergar o que é melhor para si, os olhos podem manifestar sinais de que, para além do físico, pode haver causas emocionais para determinas afecções.

Causas espirituais do terçol

As causas espirituais do terçol estão ligadas às dificuldades de abertura do olho interior. Isto significa que a pessoa está, mesmo que inconscientemente, negando-se a enxergar certas verdades internas.

O nosso espírito é quem nós somos de maneira mais profunda, mas muitas vezes nos distanciamos da nossa identidade real para nos conformarmos às demandas e pressões do mundo físico. É assim que algumas doenças ou dores reclamam atenção, por meio do corpo físico.

O que afeta os olhos, como o terçol, indica que há necessidade de reflexão e encontro consigo mesmo. Aprender a olhar o mundo e a vida a partir de um ponto de vista mais espiritualizado é um processo longo, como todo aprendizado que transforma.

Terçol no olho direito

O olho direito é governado pelo lado esquerdo do cérebro. Esse é o lado que conduz o fluxo masculino, estando associado à lógica, ao intelecto, à ação, ao racional, à objetividade e ao físico.

Quando o olho direito é afetado por um problema como o terçol, você está recebendo sinais para prestar mais atenção a como lida com aspectos práticos da sua vida. Há algo em desajuste entre o seu espírito e a forma como tem vivido, e essa questão demanda atenção e cuidado.

Terçol no olho esquerdo

O terçol pode ocorrer em ambos os olhos. Quando um terçol surge no olho esquerdo, é preciso refletir sobre a parte do cérebro governa este lado do corpo. Mas lembre-se que seu corpo é governado pelo lado oposto do seu cérebro.

Assim, o olho esquerdo é governado pelo lado direito do cérebro, que é o domínio do feminino, da imaginação, criatividade, intuição e espiritualidade. Um terçol nesse olho indica necessidade de reconexão consigo mesmo e aprendizado espiritual.

Terçol nos dois olhos

Os olhos possibilitam a conexão entre as almas e também expressam os sentimentos. Tudo passa pelos olhos, e se eles compartilham mensagens como outras pessoas, também podem dizer coisas importantes a nós mesmos.

Quando o terçol ou outros problemas oftalmológicos surgem nos dois olhos, eles estão ligados a questões de equilíbrio a serem resolvidas. É preciso encontrar um ponto de encontro entre as suas aspirações espirituais e as ações físicas.

Entendendo mais sobre o terçol

Olho de criança com terçol

A seguir, iremos encontrar informações valiosas para entendermos mais sobre o terçol. Aprenderemos o que é, quais são os sintomas, como tratar e evitar, dentre outras orientações importantes. Confira.

O que é o terçol?

O terçol é uma infecção na região dos olhos que gera uma protuberância vermelha e sensível perto da borda da pálpebra. Sua causa pode ser o acúmulo de bactérias na base de um cílio ou a obstrução de uma das pequenas glândulas sebáceas da pálpebra.

Esse bloqueio das secreções ocorre quando as glândulas ou os folículos capilares recebem excesso de corpos estranhos como pele morta, sujeira e maquiagem.

O acúmulo de substâncias que bloqueiam esses dutos de secreção torna o ambiente propício à proliferação bacteriana, causando infecção. Porém, as razões para o surgimento de um terçol também incluem outras doenças oculares, lesões como arranhões e, em casos raros, câncer.

Sintomas do terçol

Os sintomas do terçol podem causar bastante desconforto e se assemelham a outros problemas que acometem a região da pálpebra, como o calázio e a conjuntivite. Conhecer o conjunto de sintomas do terçol é importante para não o confundir com outras doenças.

O sinal mais evidente de que você está com terçol é o surgimento de uma pequena bolha ou nódulo avermelhado, localizado na borda externa da pálpebra.

Além dessa protuberância característica, o terçol provoca inchaço e dor na região da pálpebra, além de uma sensação de calor ou ardência no local. A inflamação em curso geralmente vem com prurido (coceira), excesso de lacrimejamento e sensibilidade à luz.

Quanto tempo dura o terçol?

A maioria dos casos de terçol têm duração de cerca de 3 a 7 dias. Porém, esse é um problema que pode persistir por uma semana ou duas, a depender de alguns fatores. Dentre eles, estão fatores genéticos, a situação da imunidade da pessoa, a origem do terçol (se causado por outras doenças do olho, por exemplo) e a evolução da infecção.

Na grande maioria dos casos, o terçol é um problema que vai embora sozinho, isto, ele passa um processo infeccioso que gradativamente se ameniza, cicatrizando sem qualquer intervenção, além de cuidados básicos de higiene e aplicação de compressas.

Como melhorar o terçol

O processo de cicatrização do terçol tende a se acelerar com a aplicação de compressas quentes por 10 a 15 minutos, em média de três ou quatro vezes ao dia, enquanto durarem os sintomas.

Esse procedimento trará alívio para a dor e estimulará a drenagem do nódulo, como uma espinha. Na maioria dos casos, o que acontece naturalmente é que o terçol se abre, drena e cicatriza de maneira espontânea, isto é, sem intervenção adicional.

Embora na grande maioria dos casos o terçol desapareça mais rapidamente com o auxílio de procedimentos caseiros básicos, como as compressas, existem casos que necessitam de drenagem cirúrgica.

Terçol externo

O terçol pode ser externo ou interno. Quando você desenvolve um terçol externo, percebe a formação de uma protuberância, como uma pequena bolha avermelhada e dolorosa, na base do cílio, isto é, nas bordas da pálpebra.

A maioria dos casos de terçol externo tem como causa uma infecção originada pelo acúmulo e proliferação de bactérias no folículo piloso. A aparência desse tipo de terçol pode lembrar uma espinha. É o tipo mais superficial e que tende a desaparecer mais rapidamente.

Terçol interno

Um terçol interno é resultado de uma infecção bacteriana das glândulas produtoras de secreção localizadas na parte de dentro das pálpebras. O pequeno nódulo, nesses casos, forma-se internamente, isto é, em contato com o globo ocular.

Esse tipo de terçol tende a ser mais grave do que o terçol externo, além de ter, frequentemente, maior duração, e a pessoa deve receber orientação de tratamento de um oftalmologista, que pode receitar remédios e compressas. Porém, ele ocorre com um pouco menos de frequência do que um terçol externo.

Existe algum ritual ou simpatia para curar o terçol?

A maneira adequada de curar um terçol é seguir as orientações de um profissional da área de saúde, mais especificamente, de um oftalmologista, que poderá avaliar a lesão e orientar o paciente quanto aos cuidados diários e aos possíveis tratamentos. Porém, como as doenças têm também aspectos espirituais e emocionais e o corpo físico é um canal energético, existem maneiras adicionais de cuidar do terçol.

Esses procedimentos, é preciso lembrar, não são científicos e tampouco substituem os cuidados clínicos, mas auxiliam na purificação energética que favorece a cura. Nesse sentido, a prática da meditação é uma aliada para a cura pela limpeza dos chakras. O uso de cristais com energias curativas nas meditações potencializa os efeitos positivos.

Quando procurar uma ajuda médica?

Embora a maioria dos casos de terçol tenham cura espontânea, desaparecendo em cerca de 3 a 7 dias, é importante buscar a orientação de um oftalmologista, em especial se for a primeira vez que você tem esse problema.

O oftalmologista, em casos específicos, pode prescrever algum medicamento para tornar o processo infeccioso menos doloroso e orientar quanto a procedimentos caseiros que ajudam a acelerar a saída da infecção do organismo.

Alguns sinais são cruciais para você saber quando procurar um médico sem demora: se o terçol não melhorar depois de uma semana; se houver crescimento do nódulo; se a sua visão for afetada.

Precauções e possíveis complicações

Dentre as precauções que quem tem terçol deve tomar, é importante ter cuidado extra com a higiene, para não agravar a infecção. Lave as mãos antes e depois de tocar no terçol, não compartilhe toalhas com outras pessoas e prefira usar óculos em vez de lentes de contato até que ele desapareça.

Uma complicação frequente é a progressão para um calázio, o que pode causar deformidade estética e irritação da córnea, podendo levar à necessidade de remoção cirúrgica. Outras complicações decorrem de punção inadequada, impedindo o crescimento dos cílios, causando deformidade da pálpebra ou fístula. Uma complicação rara é a celulite orbital, que pode prejudicar a visão.

Como prevenir o terçol

Frequentemente, o terçol é causado por bactérias estafilocócicas. Essa bactéria se prolifera no nariz e é facilmente transferida para o olho quando uma pessoa esfrega o nariz e depois toca a pálpebra. A prevenção do terçol depende de cuidados de higiene como, por exemplo, lavar sempre as mãos antes de tocar a área dos olhos.

Quem usa lentes de contato deve mantê-las muito limpas. A maquiagem mal removida também favorece a infecção. Quem tem certas condições de saúde como blefarite, caspa, rosácea, diabetes ou altos níveis de colesterol ruim, deve tomar cuidado redobrado devido à maior propensão a desenvolver um terçol.

Fique atento aos mitos sobre o terçol

Olho com terçol

O terçol é um problema incômodo que está cercado de mitos. É comum escutarmos que o terçol é contagioso, ou ficarmos sabendo de receitas caseiras para curá-lo. Acompanhe para saber o que de fato é verdadeiro ou falso em relação ao terçol.

O terçol é contagioso

A princípio, o terçol não é contagioso. Porém, quando uma pessoa com terçol tocar na lesão da pálpebra e depois tocar, por exemplo, na mão ou dedo de outra pessoa, pode haver a transferência da bactéria.

É importante frisar que essa transmissão é rara e cuidados de higiene básicos garantem que ela não aconteça. O terçol não é contagioso simplesmente por você estar próximo de alguém que esteja com esse problema.

Evitar o surgimento do terçol envolve manter as mãos sempre limpas e não tocar o rosto sem que elas estejam higienizadas após contato com superfícies, como maçanetas. A maquiagem não deve ser compartilhada, e tampouco itens pessoais como toalhas de rosto.

O terçol melhora colocando anel quente

Muitas pessoas já ouviram dos pais ou dos avós que o terçol melhora quando se coloca um anel quente sobre a pálpebra ou na proximidade dela. Esse procedimento, segundo os oftalmologistas, deve ser desencorajado.

A crença de que um anel ou moeda aquecidos ajudam a curar o terçol vem de um fato, porém: o inchaço e a dor melhoram com o calor, e é exatamente por essa razão que se recomenda colocar compressas mornas na região.

Prefira esse método, recomendado pelos oftalmologistas, pois um objeto quente de metal em contato com a pele pode agredir a lesão, causando queimaduras.

O sol faz mal para o terçol

Muitas pessoas acreditam que o sol faz mal para o terçol e que pessoas que estão com esse problema devem evitar a exposição solar, sob risco de agravar os sintomas. Porém, isso não é verdade.

O sol não faz mal particularmente a quem está com terçol e os riscos da exposição solar são os mesmos para todas as pessoas. De fato, as pessoas com terçol ficam com os olhos mais sensíveis à luz, e, nesse sentido, tomar sol pode simplesmente aumentar o desconforto na região.

Quem está com terçol pode estar em ambientes externos, mas utilizando óculos escuros com proteção UV para garantir a segurança dos olhos.

Espremer ajuda a acabar com o terçol

A aparência do terçol faz com ele lembre uma espinha, o que torna tentador espremê-los. Porém, isso não é recomendado pelos oftalmologistas. O terçol passa por um processo infeccioso em que a drenagem ocorre espontaneamente, atingindo a cura do problema, no seu próprio tempo (entre 3 dias a mais de uma semana).

O que se pode fazer de maneira segura é colocar compressas mornas na região, utilizando sempre um pano limpo, por cerca de 15 minutos, entre 3 e 4 vezes por dia.

Portanto, nunca estoure, aperte ou tente drenar um terçol sozinho, pois a infecção pode se espalhar, piorando o quadro. Tente também evitar o uso de lentes de contato ou maquiagem quando tiver terçol.

O terçol pode significar energias negativas?

Homem com terçol

O terçol é uma infecção nas pálpebras que, apesar de ter causas físicas, como, por exemplo, a obstrução de glândulas de secreção e a proliferação de bactérias, sinaliza que o corpo pode estar querendo dar alertas sobre uma fragilidade emocional ou espiritual.

As doenças são, muitas vezes, manifestações externas de questões internas. O terçol não significa, espiritualmente, a presença de energias negativas em um sentido estrito. O que pode acontecer é que uma pessoa com o emocional desprotegido ou que negligencia questões espirituais que está vivenciando pode ter, temporariamente, as energias mais densas e carregadas.

Assim, é preciso alinhar a saúde do corpo com o bem-estar psicológico e espiritual, a fim de evitar o surgimento de doenças físicas e emocionais.

Autor deste artigo

Sempre gostei de escrever. Escrevo sobre filmes e sonhos, e aprecio viagens, história e cultura em geral.

Palavras-chave relacionadas


religiões autocuidado

Artigos relacionados


Banho de Exu: para abrir caminhos, limpeza espiritual, proteção e mais!

Banho de Exu: para abrir caminhos, limpeza espiritual, proteção e mais!

O banho de Exu é uma forma poderosa e eficaz para abertura de caminhos, limpar o campo energético, entre outros exemplos. Leia esse artigo e saiba mais!


Menstruar na lua minguante: entenda as fases da lua e o ciclo menstrual!

Menstruar na lua minguante: entenda as fases da lua e o ciclo menstrual!

Você sabia que as fases da lua interferem e trazem diferentes significados para o ciclo menstrual? Leia o artigo e entenda mais sobre seu equilíbrio interior!


Depressão profunda: o que é, causas, sintomas, como vencer e mais!

Depressão profunda: o que é, causas, sintomas, como vencer e mais!

Depressão profunda é a fase mais grave do transtorno psicológico, mas tem tratamento e o paciente precisa de apoio. Saiba mais aqui!


Qual o significado espiritual da estrela cadente? Ver, sonhar e mais!

Qual o significado espiritual da estrela cadente? Ver, sonhar e mais!

Ver estrelas cadentes tem inúmeros significados, e pode ser uma oportunidade de fazer pedidos se sentindo mais perto do universo. Saiba mais no artigo!


Afirmações positivas "eu sou": o que são, exemplos, como criar a sua e mais!

Afirmações positivas "eu sou": o que são, exemplos, como criar a sua e mais!

Você sabe o que são afirmações positivas e lei da atração? Então leia esse artigo e descubra o que é afirmação positiva, exemplos, como criar e mais!


Últimos posts


O que significa sonhar que ganhou na Mega-Sena: quina, prêmio, bilhete e mais!

O que significa sonhar que ganhou na Mega-Sena: quina, prêmio, bilhete e mais!

Nesse compilado nós trouxemos as interpretações de 15 tipos de sonhos em que os sonhadores veem premiações na Mega-Sena e situações semelhantes. Confira!


Sonhar com mãe doente: significado, no hospital, em perigo e mais!

Sonhar com mãe doente: significado, no hospital, em perigo e mais!

Sonhar com mãe doente indica preocupação com uma pessoa importante, especialmente a própria mãe. Mas não só isso. Veja mais aqui!


Banho de Exu: para abrir caminhos, limpeza espiritual, proteção e mais!

Banho de Exu: para abrir caminhos, limpeza espiritual, proteção e mais!

O banho de Exu é uma forma poderosa e eficaz para abertura de caminhos, limpar o campo energético, entre outros exemplos. Leia esse artigo e saiba mais!


Banho de Artemísia: para que serve, propriedades, como fazer e mais!

Banho de Artemísia: para que serve, propriedades, como fazer e mais!

Aprenda aqui como fazer o banho de Artemísia. A erva possui diversos benefícios para a saúde, além de promover limpeza energética, atrair proteção e muito mais!


Sonhar com nota de 2 reais: falsa, rasgada, nova, velha, na carteira e mais!

Sonhar com nota de 2 reais: falsa, rasgada, nova, velha, na carteira e mais!

Sabia que sonhar com nota de 2 reais traz vários significados? Pode revelar prosperidade, mas não fala só de dinheiro. Clique e entenda todas as interpretações!