Febre emocional: sintomas, causas, cuidados, tratamento e mais!

Febre emocional: sintomas, causas, cuidados, tratamento e mais!

Você sabia que alguns sintomas podem indicar que você está tendo uma febre emocional? Confira tudo sobre nesse artigo!


O que é febre emocional?

Mulher com febre.

Alguns sintomas que sentimos podem indicar que estamos tendo uma febre emocional naquele momento. Calor sem explicação, suor sem motivo, inclusive à noite, e pensamentos negativos podem aparecer neste caso.

A febre emocional está ligada a uma modificação em seu emocional, como a própria indisposição ocorre. Mas o que a maioria não sabe é que essa falta de equilíbrio, como muito cansaço, ansiedade alta e problemas pessoais que afetam diretamente a vida, pode influenciar muito em nossa saúde, e a febre é uma das enfermidades que sofremos.

Mas, hoje, diante dos avanços da medicina e da grande atenção à saúde mental, temos melhorias e grandes descobertas sobre problemas que se tratam de saúde psicológica, algo que ajuda aqueles que sofrem com esse tipo de incômodo. Confira!

Aspectos da febre emocional

Mulher doente de cama.

Alguns aspectos podem denunciar os sintomas de uma febre emocional. Ao analisar estes sintomas, se você sente que é importante verificar as causas e buscar ajuda para sanar os sintomas, confira os principais aspectos da febre emocional a seguir!

O que é febre emocional

A febre emocional pode aparecer em determinados momentos, em situações como estresse duradouro, crise de ansiedade ou acontecimentos que mexem com o psicológico de qualquer um.

Normalmente, essas crises são acompanhadas de sintomas físicos, como o aumento da temperatura corporal e de suor, vermelhidão no corpo - principalmente no rosto -, dor no corpo e outros sintomas que são comuns em quem sofre com febre emocional. Nesses casos, o uso de medicamentos nem sempre amenizam os sinais.

Causas de febre emocional

As causas da febre emocional estão ligadas a uma das doenças que mais escutamos em nosso cotidiano: a ansiedade. A ansiedade tem várias causas, e o estresse é uma delas. A exaustão faz as células do corpo obterem um aumento que pode chegar aos 40º graus. Por isso, é importante o cuidado no quotidiano.

Preocupações e o tumulto do dia a dia tendem a aumentar a ansiedade, o estresse, os traumas e as complicações psicológicas que podem acarretar em febre. Esta se manifesta normalmente, quando a ansiedade está em seu ápice.

Além da própria ansiedade ser desgastante o suficiente, física e psicologicamente, a febre emocional pode trazer sintomas como tonturas, suor, desequilíbrio e outras manifestações. Portanto, esteja atento a suas emoções, como mágoas, brigas com familiares ou qualquer tipo de desentendimento. Traumas passados podem ser também causadores dessa febre.

Quem pode ter febre emocional

Qualquer pessoa pode sofrer com a febre emocional. A infância é um dos períodos em que se pode desenvolver essa crise de febre, pelo fato de a criança se deparar com situações e acontecimentos nunca antes vistos, como descoberta de amores, perda de familiares e situações desagradáveis escolares. Estes podem desenvolver uma certa ansiedade, que pode contribuir para a febre emocional.

Cuidados com a febre emocional

Assim que você perceber que está com sintomas da febre emocional, é importante procurar ajuda médica. Os efeitos da febre podem durar meses, o que pode piorar o quadro de estresse. Porém, assim que perceber o incômodo, procure um médico que fará toda a avaliação e conduzirá a melhor forma de tratamento para amenizar a ansiedade e o estresse, seja por meio de medicamentos ou pela psicoterapia.

Essa avaliação é muito importante. Através dela, é possível ver quais situações estão afetando sua vida e seu psicológico e como esses problemas podem ser amenizados.

Sintomas de febre emocional

Mulher com febre.

Alguns sintomas da febre emocional são parecidos com os de outras doenças. Neste caso, se os sintomas permanecerem por mais de 48 horas, é aconselhável procurar um atendimento médico, pois pode ser alguma outra coisa. Abaixo, confira alguns sintomas da febre emocional!

Insônia

A insônia, descrita como a dificuldade de dormir ou de manter uma noite boa de sono, é um dos sintomas da febre emocional. Suas causas são o estresse no dia a dia, as finanças, os problemas de saúde, as medicações e os problemas relacionados ao sono, como o uso de aparelhos eletrônicos antes de dormir, horários irregulares etc.

Fadiga

Na febre emocional, a fadiga pode ser causada por algumas situações. Entre elas, há o excesso de atividade física, que causa o cansaço físico, o excesso de atividade mental, que pode acarretar em sobrecarga e dificuldades de concentração, o estresse exagerado, que pode causar ansiedade, a perda do sono e a fadiga crônica, que é prolongada e pode se tornar incapacitante.

Suor excessivo

O suor excessivo pode ser causado por outras doenças, mas é importante estar atento aos sintomas, no caso da febre emocional. Geralmente, a sudorese não tem um motivo claro, então, é necessário uma avaliação com um médico. Normalmente, pessoas que estão com febre ou locais com muito calor transpiram, porém a transpiração excessiva aparece em situações comuns e gera bastante incômodo.

Calor intenso

É normal que a pessoa que esteja com febre emocional sinta um calor anormal. O fato de a temperatura corporal aumentar é o necessário para que todos os órgãos aumentem e esse desconforto apareça. Portanto, hidrate-se bastante e use compressas de água fria para amenizar o calor.

Nesse calor intenso, pode acontecer que ocorra a perda da consciência e dos sentidos, a redução da capacidade mental e a aparição de vertigens. Em geral, é recomendado que permaneça onde estiver e espere o socorro chegar.

Dor de cabeça

A cefaleia, conhecida como dor de cabeça, aparece em dias estressantes e em meio à febre emocional, o que significa que seu corpo está dando sinais de que algo não está bem. Assim, manifesta-se em pessoas que possuem a vida agitada e corrida. Pode ser amenizada com o uso de medicamentos, mas também de forma natural, como com o uso de chás, compressas de água fria e relaxamento.

No entanto, é importante que, se os sintomas permanecerem por mais de dois dias, procure um médico, para que seja feita a ponderação médica e encontrada a melhor solução.

Vermelhidão no rosto

A vermelhidão no rosto pode ter em sua causa outras doenças, porém, tratando-se de febre emocional, ocorre que os vasos sanguíneos se dilatam, provocando vermelhidão, mudanças na temperatura e mudança de cor, inclusive no rosto. Por isso, é importante que, ao perceber este sintoma por mais de dois dias, procure um médico.

Como tratar a febre emocional

Mulher com febre emocional.

Como o próprio nome já diz, um dos tratamentos para a febre emocional é manter a calma em suas emoções. Seja sua ansiedade por uma viagem, por um encontro ou por algo que ocorreu e te deixou preocupado, mantenha a tranquilidade para o equilíbrio emocional. Para saber como fazer isso, confira os tópicos a seguir!

Tomar chá

Para tratar a febre emocional, busque por medidas naturais, como uma xícara de chá ou ervas que ajudam a combater a ansiedade. Algumas sugestões muito boas são: Erva cidreira, que ajuda no nervosismo; Lavanda, ótima para ajudar a dormir e acalmar, e Chá de Flor de Maracujá, conhecida também como Passiflora, que ajuda nos sintomas de TPM, ansiedade e depressão.

Além disso, não podemos nos esquecer da famosa Camomila, que também é um ótimo relaxante. Ela ajuda a apaziguar o estresse, age como tranquilizante e é um grande auxílio para quem sofre com crises de ansiedade.

Cubos de gelo de maracujá

O maracujá tem propriedades calmantes que agem como relaxante, calmante e analgésico. É em sua polpa que se encontram essas substâncias, que trabalham direto no sistema nervoso e auxiliam na febre emocional. O maracujá também possui uma grande quantidade de magnésio, que ajuda no combate à ansiedade e à exaustão.

Portanto, corte a fruta, separe a polpa, coloque ela nas forminhas de gelo e ponha no congelador. Muitas pessoas têm o hábito de acrescentar água mineral ou água de coco, e essa sugestão é uma boa pedida para um momento de ansiedade.

Caminhar

No caso da febre emocional, fazer exercício físico, independentemente se você está bem ou não, é uma ótima ideia. Caminhar é a opção mais fácil para quem não tem tempo na rotina ou condições financeiras para ir a uma academia. Sem contar que a caminhada libera a endorfina, hormônio de relaxamento e sensação de bem-estar.

A dopamina também é liberada, trazendo a sensação de analgésico para quem pratica exercícios físicos. Então, seja qual for e onde for, o importante é exercitar seu corpo e alimentar seu cérebro com pensamentos positivos, boas energias, bons alimentos para seu corpo. No dia a dia, é preciso desacelerar e cuidar mais de você.

Orientação médica

Nunca deixe de procurar uma orientação médica. A febre emocional pode desencadear alguns sintomas, mas isso não significa que estes sintomas são somente para esse distúrbio. É muito importante que vá ao médico e faça exames regulares, para verificar se está tudo bem com sua saúde.

Além disso, é mais importante ainda frisar que nunca se medique sozinho ou por conta própria, Vá ao médico e tire suas dúvidas. Se persistirem os sintomas, procure ajuda de um profissional qualificado, que irá avaliar a situação, prescrever o diagnóstico e encontrar a melhor solução para resolver o seu problema.

A febre emocional é fácil de ser identificada?

Termômetro.

Como vimos, alguns sintomas podem indicar que algo não está certo. Porém nenhum destes sintomas é certeza de que você está tendo uma febre emocional. Antes de tudo, é importante que analise sua vida e o dia em que teve os sintomas - se aconteceu alguma situação que demandou uma condição de estresse ou gerou alguma crise de ansiedade no seu decorrer.

Vale avaliar se está passando por alguma situação de estresse e ansiedade que poderia desencadear a febre emocional. Essa febre também pode acontecer em crianças e, nessas situações, perguntar se houve alguma situação estressante, seja em casa ou na escola, é algo bom a se fazer. São situações que não demandam esforço nem dificuldade, mas que podem oferecer riscos à saúde, se não forem cuidadas.

Portanto, como descobrimos, qualquer pessoa pode ter febre emocional e sintomas conhecidos que passam despercebidos. A correria de nossas rotinas não nos dá tempo de parar e analisar o que acontece ao redor. Por isso, muitas vezes , doenças aparecem e não sabemos o motivo.

A importância do cuidado com a saúde mental evita transtornos futuros, que podem ocorrer pela falta de atenção a essa área importantíssima do corpo. Cuidados diários com a mente afastam possíveis doenças e ajudam a viver uma vida equilibrada e saudável.

Autor deste artigo

Sempre tive o sonho de ajudar as pessoas através da escrita. Com isso, sigo meu sonho a cada dia, sem desanimar e vivendo um dia de cada vez.

Palavras-chave relacionadas


autocuidado

Artigos relacionados


Menstruar na lua minguante: entenda as fases da lua e o ciclo menstrual!

Menstruar na lua minguante: entenda as fases da lua e o ciclo menstrual!

Você sabia que as fases da lua interferem e trazem diferentes significados para o ciclo menstrual? Leia o artigo e entenda mais sobre seu equilíbrio interior!


Depressão profunda: o que é, causas, sintomas, como vencer e mais!

Depressão profunda: o que é, causas, sintomas, como vencer e mais!

Depressão profunda é a fase mais grave do transtorno psicológico, mas tem tratamento e o paciente precisa de apoio. Saiba mais aqui!


Afirmações positivas "eu sou": o que são, exemplos, como criar a sua e mais!

Afirmações positivas "eu sou": o que são, exemplos, como criar a sua e mais!

Você sabe o que são afirmações positivas e lei da atração? Então leia esse artigo e descubra o que é afirmação positiva, exemplos, como criar e mais!


Pensamentos intrusivos: o que são, tipos, exemplos, tratamento e mais!

Pensamentos intrusivos: o que são, tipos, exemplos, tratamento e mais!

Pensamentos intrusivos são mais comuns do que você imagina. Descubra neste artigo o que são, como lidar e outros aspectos desses tipos de pensamentos!


Depressão na gravidez: o que é, causas, sintomas, tratamento e mais!

Depressão na gravidez: o que é, causas, sintomas, tratamento e mais!

A depressão gestacional é muito comum e quando não tratada, pode causar diversas consequências, sobretudo, para mãe e o bebê. Leia o artigo para saber mais!


Últimos posts


Banho de Exu: para abrir caminhos, limpeza espiritual, proteção e mais!

Banho de Exu: para abrir caminhos, limpeza espiritual, proteção e mais!

O banho de Exu é uma forma poderosa e eficaz para abertura de caminhos, limpar o campo energético, entre outros exemplos. Leia esse artigo e saiba mais!


Banho de Artemísia: para que serve, propriedades, como fazer e mais!

Banho de Artemísia: para que serve, propriedades, como fazer e mais!

Aprenda aqui como fazer o banho de Artemísia. A erva possui diversos benefícios para a saúde, além de promover limpeza energética, atrair proteção e muito mais!


Sonhar com nota de 2 reais: falsa, rasgada, nova, velha, na carteira e mais!

Sonhar com nota de 2 reais: falsa, rasgada, nova, velha, na carteira e mais!

Sabia que sonhar com nota de 2 reais traz vários significados? Pode revelar prosperidade, mas não fala só de dinheiro. Clique e entenda todas as interpretações!


Sonhar com ar condicionado: ligado, quebrado, pegando fogo e mais!

Sonhar com ar condicionado: ligado, quebrado, pegando fogo e mais!

Neste artigo nós desvendamos as interpretações de 19 tipos de sonhos com ar condicionado. São bons e maus presságios, além de alertas e conselhos. Confira!


Menstruar na lua minguante: entenda as fases da lua e o ciclo menstrual!

Menstruar na lua minguante: entenda as fases da lua e o ciclo menstrual!

Você sabia que as fases da lua interferem e trazem diferentes significados para o ciclo menstrual? Leia o artigo e entenda mais sobre seu equilíbrio interior!