Deusa Deméter: origem, história, importância na mitologia e mais!

Deusa Deméter: origem, história, importância na mitologia e mais!

Deméter é uma das 12 divindades originais do Olimpo na mitologia grega. Ela governa a agricultura e seu culto está presente em religiões neopagãs como a Wicca.


Conheça a mitologia sobre a Deusa da Agricultura!

Imagem dos deuses do olímpio

Deméter é a deusa olímpica da agricultura e da colheita na mitologia grega. Juntamente com sua filha, Perséfone, Deméter é uma das figuras centrais dos Mistérios de Elêusis, o festival religioso mais popular na Antiguidade Grega anterior ao Olimpo.

Por estar ligada à colheita, Deméter também está associada às estações do ano. Em um dos seus mitos mais populares, é seu luto sobre a sua filha Perséfone que passa um terço do ano no mundo inferior que provoca o inverno.

Sua felicidade ao possuir sua filha de volta em seus braços, traz de volta a fertilidade da Terra, nos períodos de primavera e verão. Apesar de ser comumente associada à agricultura, Deméter rege as leis sagradas e os ciclos da vida e da morte.

Continue lendo para entender sobre seu simbolismo, mitologia, além de maneiras de se conectar com esta deusa por meio de seus símbolos, ervas e orações.

Conhecendo a Deusa Deméter

Representação da deusa demeter

Para conhecer melhor a Deusa Deméter, iniciaremos um passeio através dos tempos. Nele, descobriremos sua origem, suas características visuais, sua árvore genealógica, bem como sua posição entre as 12 divindades iniciais do Olimpo. Confira.

Origem

Deméter foi gerada pelos seus pais, os Titãs Cronos e Reia. De acordo com o mito, Cronos engoliu todos os seus filhos, incluindo Deméter, pois, de acordo com uma profecia, ele seria destituído de seu poder por um deles. No entanto, um de seus filhos, Zeus, acabou resgatando seus irmãos da barriga de seu pai, que os regozijou.

Características visuais

Deméter é geralmente representada totalmente vestida. Ela possui uma aparência matronal e está geralmente sentada no seu trono ou de pé, de maneira altiva com uma mão estendida. Por vezes, é possível encontrar representações da deusa cavalgando uma carruagem e acompanhada de sua filha, Perséfone.

Sua conexão com Perséfone é tão intensa que muitas vezes ambas as deusas compartilham os mesmos símbolos e atributos, como é o caso da coroa de flores, cornucópia, das espigas de milho, do feixe de trigo e da cornucópia.

Família

Deméter é a segunda filha dos titãs Cronos e Reia. Ela possui seis irmãos: Héstia, Gera, Hades, Poseidon e Zeus, e é a filha do meio, nascida após Héstia e antes de Hera. Por meio do seu relacionamento com seu irmão mais novo, Zeus, Deméter deu à luz a Kore, que futuramente seria conhecida como Perséfone, a rainha do submundo.

Por ter tido múltiplos parceiros, Deméter possui outros filhos: Árion e Despina, resultantes de sua união com seu irmão, Poseidon; Corybas, Pluto e Filómelo com Iasão; Eubuleo e Crisótemis com Carmánor. Além disso, alguns estudiosos consideram que Deméter pode ser a mãe do deus do vinho Dionísio.

Arquétipo

O Arquétipo reconhecido em Deméter é a Mãe. Em sua mitologia, Deméter encarna o papel de mãe protetora que tem sua vida marcada pelo luto e tristeza pós sua filha, Kore, ser raptada pelo seu irmão, Hades.

Além disso, o nome de Deméter é constituído por duas partes: ‘de-’, de significado ainda impreciso, mas provavelmente relacionado à Gaia, a Terra, e ‘-meter’, cujo significado é mãe. O significado de seu nome aponta para uma indiscutível associação com o papel de Deusa Mãe que Deméter possui.

A Deusa Deméter é uma das 12 divindades do Olimpo!

Deméter é uma das 12 divindades originais do Olimpo, o local de residência dos deuses na mitologia grega. As 12 divindades do Olimpo, juntamente com Deméter, são: Héstia, Hermes, Afrodite, Ares, Deméter, Hefesto, Hera, Poseidon, Atena, Zeus, Ártemis e Apolo.

Estas divindades são consideradas as originais e, apesar do fato de Hades ter sido uma das divindades da primeira geração grega (juntamente com Zeus, Poseidon, Hera, Deméter e Héstia), uma vez que sua morada é o Mundo Inferior, ele não é considerado uma divindade olímpica.

Histórias sobre a Deusa Deméter

Representação da deusa demeter

Existem muitas Histórias sobre a Deusa Deméter. Muitas delas narram sua relação com a agricultura e aligam com a terra e o mundo inferior, também conhecido como submundo ou Hades. Como mostraremos, Deméter é também a deusa cujo emblema é a papoula e possui diversos títulos. Confira.

Deusa da agricultura

Como Deusa da agricultura, Deméter é considerada a Rainha do Milho, a deusa dos cereais, que garante os grãos para a feitura de pães e abençoa os agricultores. De acordo com os seus mitos presentes nos Mistérios de Elêusis, o momento em que Deméter se reúne com Perséfone é paralelo ao momento em que as culturas plantadas se reúnem com as sementes.

Um dos maiores ensinamentos de Deméter para a Humanidade é a agricultura, sem a qual o ser humano não poderia sobreviver.

Deusa da terra e do submundo

Deméter também era cultuada como a deusa da terra e do submundo. Como deusa da terra, Deméter era comumente representa na região de Arcádia como uma mulher de cabelo encaracolado, segurando uma pomba e um golfinho.

Como deusa do submundo, Deméter era aquela que conhecia os mistérios do que jaz embaixo da terra, sendo assim conhecedora do segredo daquilo que está prestes a brotar, como também daquilo que voltará para a terra quando deixar esta vida.

Em Atenas, os mortos eram chamados de ‘Demetrioi’, o que sugere que Deméter esteja relacionada aos mortos, como também ao fato de que uma nova vida pode brotar a partir do corpo de alguém que morreu.

Deusa papoula

Deméter está comumente associada à flor chamada papoula e por isso ela é considerada a Deusa papoula. Por este motivo, a papoula está presente em muitas representações de Deméter.

A papoula é uma flor tipicamente de cor vermelha, que nasce nos campos de cevada, um dos grãos associados à deusa. Além disso, esta flor é um símbolo comumente associado à ressureição e por isso autores como Robert Graves sugerem que sua cor escarlate significa a promessa de ressureição após a morte.

Outros títulos da Deusa Deméter

A deusa Deméter possui diversos títulos e atribuições. Dentre seus principais títulos estão:

• Aganippe: a égua que destrói com misericórdia;
• Anesidora: aquela que envia presentes;
• Chloe: “a verde”, cujos poderes infinitos trazem a fertilidade da terra;
• Despoina: “a patroa do lar”, título também dado a deuses como Hécate, Afrodite e Perséfone;
• Thesmophoros: a legisladora, relacionado ao festival secreto restrito a mulheres chamado Thesmofórias;
• Loulo: aquela ligada aos feixes de trigo;
• Lusia “a banhista”;
• Melaina: “a negra”;
• Malophorus: “aquela que carrega a maçã” ou “aquela que carrega as ovelhas”;
• Thermasia: “o ardor”.

Se você deseja trabalhar com alguma área de atuação específica de Deméter, chame por um dos títulos que se relaciona com a área na qual você precisa de ajuda.

Relações com a Deusa Deméter

Vários deuses do olímpio

Deméter possui diferentes tipos de relações, tanto com mortais quanto com deuses. Algumas destas relações geraram frutos, como é o caso da relação com Iasão. Nesta seção, você aprenderá sobre como Deméter está relacionada ao Culto de Elêusis e obterá informações sobre seus encontros amorosos. Continue lendo para conhecê-los.

Deusa Deméter e Elêusis

Quando Deméter procurou por sua filha desaparecida, Perséfone, ela encontrou o palácio de Céleo, o rei de Elêusis na Ática. Ao visitar o palácio, ela assumiu a forma de uma mulher idosa e pediu ao rei por abrigo.

Ao aceitá-la em seu palácio, Céleo a incumbiu da tarefa de amamentar seus filhos Demofonte e Triptólemo. Como prova de gratidão pelo abrigo, a deusa tentou tornar Demofonte em imortal, ungindo-o com a ambrosia e deixando-o sobre a chama da lareira para queimar sua mortalidade.

No entanto, o processo foi interrompido quando a mãe dele avistou a cena e gritou em desespero. Em contrapartida, ela ensinou Triptólemo os segredos da agricultura. Desta maneira, a humanidade aprendeu a cultivar seus alimentos.

Deusa Deméter e Iasão

Deméter se apaixonou por um mortal chamado Iasão, quando ela era ainda jovem. Após seduzi-lo durante um casamento, ela fez sexo com ele num campo que foi arado três vezes.

Como Zeus não achava adequado uma deusa ter um relacionamento com um mortal, ele enviou um raio para matar Iasão. No entanto, Deméter já estava grávida dos gêmeos Pluto, o deus da riqueza e Filómelo, o patrono do arado.

Deusa Deméter e Poseidon

Deméter também teve relações sexuais forçadas com o seu irmão, o deus Poseidon. Em Arcádia, Poseidon assumiu a forma de um garanhão conhecida por Poseidon Hippios, que forçou o encontro sexual com a deusa que se escondia num estábulo para fugir do irmão.

Após o resultado do estupro, Deméter se vestiu de preto e procurou retiro numa caverna para se purificar do que aconteceu. Como consequência, o mundo sofreu de um período de escassez e fome, pois todas as plantações morreram.

Como consequência do encontro sexual sem consentimento com seu irmão, Deméter engravidou de dois filhos: Árion, um cavalo que podia falar, e Despina, uma ninfa.

Deusa Deméter e Erisictão

No mito com Erisictão, rei de Thessália, Deméter mais uma vez fica enfurecida e provoca a fome no mundo. De acordo com o mito, o rei Erisictão ordenou que todas as árvores de um dos bosques sagrados de Deméter fossem cortadas.

No entanto, ao verem um antigo carvalho coberto de coroas e orações para Deméter, os homens de Erisictão se recusaram a cortá-lo. Enfurecido, Erisictão pegou o machado e derrubou ele mesmo a árvore, matando uma dríade que habitava no carvalho.

Ao saber do ocorrido, Deméter amaldiçoou o rei, invocando para dentro dele o espírito que personificava a fome chamado de Limos. Quanto mais o rei comia, mais ele possuía fome. Como resultado, ele vendeu tudo o que tinha em troca de comida e acabou morrendo se alimentando de si mesmo.

Deusa Deméter e Ascalabo

Durante sua busca por Perséfone, Deméter parou em Ática, exaurida pela sua incessante busca. Uma mulher chamada Misme a acolheu e ofereceu a ela, devido ao calor, um copo d’água com grãos de poejo e cevada.

Por estar sedenta, Deméter bebeu a bebida com certo desespero, o que provocou a risada do filho de Misme, Ascalabo, que zombou da deusa e perguntou se ela queria uma jarra maior daquela bebida. Afrontada pelo insulto do jovem, Deméter despejou o resto de sua bebida sobre ele, transformando-o numa lagartixa, um animal desprezado pelos homens e deuses.

Deusa Deméter e Minta

Minta era uma ninfa que era a amante de Hades, antes de ele raptar a filha de sua irmã Deméter. Após Hades se casar com Perséfone, Minta continuava se gabando de sua relação com o senhor do submundo e como ela era mais amorosa que Perséfone.

Irritada ao ouvir a fala da ninfa, Deméter a pisoteou e da terra surgiu uma erva aromática refrescante conhecida por menta em português.

Símbolos da Deusa Deméter

Representação da deusa demeter

O culto à deusa Deméter é envolto numa simbologia específica que foi preservada em seus mitos. Dentre os principais símbolos relacionado à deusa estão a foice, o trigo, as sementes, a maçã e a cornucópia. Entenda sua relação com Deméter e seus mitos a seguir.

Foice

A foice é um símbolo de Deméter intimamente ligado à agricultura, um dos principais atributos da Deusa. Além de ter o poder de ceifar ervas daninhas, a foice também é o instrumento utilizado para colher os feixes de trigo no ápice do verão.

Deméter é também chamada de Khrysaoros, a Senhora da Lâmina Dourada, já que ela empunhava uma foice desta cor.

Trigo

O trigo é um dos cereais associados a Deméter. Durante o festival de colheita, a deusa utilizava sua foice de lâmina dourada para ceifar os primeiros feixes de trigo da colheita. O trigo é um símbolo da prosperidade, fertilidade e abundância, alguns dos atributos relacionados à Perséfone. Você pode deixar feixes de trigo em sua casa para atrair estas energias para sua vida.

Sementes

Deméter é considerada a Rainha dos Grãos, já que foi através dela que a humanidade aprendeu a cultivar sua comida. As sementes são símbolos da prosperidade, da fertilidade e da abundância. Elas despertam quando estão depositadas na Terra, outra área de domínio desta poderosa deusa.

Você pode pôr diferentes sementes dentro de um pote de vidro transparente para atrair prosperidade para a sua casa. Quando o preparar, peça ajuda à deusa Deméter para que nunca falte o alimento em sua casa.

Maçã

Em um de seus títulos, Deméter é Malophorus, aquela que carrega as maçãs. Por isso, este fruto está associado a esta deusa como um atributo da abundância, resultado de uma colheita farta e promissora. Devido a esta associação, você pode oferecer uma maçã para Deméter, quando precisar chamar pela sua presença ou pedir por sua ajuda.

Cornucópia

A Cornucópia é um símbolo de abundância, plenitude e fertilidade, que possui formato de chifre e que é preenchido com sementes, flores e frutos recém-colhidos da estação.

Em um de seus mitos, Deméter está acompanhada de seu filho, Pluto, o deus da agricultura. Este deus geralmente carrega consigo uma cornucópia, como símbolo da plenitude atingida com a colheita bem-sucedida.

Outras informações sobre a Deusa Deméter

Representação da deusa demeter

Após compreender seus símbolos, seus relacionamentos e principais mitos, apresentamos outras informações sobre a Deusa Deméter.

Muitas das informações seguintes estarão relacionadas ao seu culto e por isso incluímos suas ervas, cores, incensos e outros tópicos relevantes para você se conectar com esta deusa mãe. Incluímos também uma oração e invocação à Deméter.

Culto à Deusa Deméter

O Culto de Deméter era bastante difundido na Grécia. Em Creta, inscrições datadas dos anos 1400-1200 antes da Era Comum já mencionavam o culto às duas rainhas e ao rei, que muitas vezes são interpretados como Deméter, Perséfone e Poseidon. No território grego continental, o culto às duas rainhas e à Poseidon também eram difundidos.

Os principais cultos à Deméter são conhecidos em Elêusis e seus festivais mais conhecidos são as Thesmofórias, que ocorriam entre os dias 11 e 13 de outubro e eram destinadas apenas a mulheres e os Mistérios de Elêusis, que eram abertos para iniciados de qualquer gênero ou classe social.

Em ambos os festivais, Deméter era cultuada em seu aspecto de Mãe e Perséfone como sua filha. Presentemente, ela é venerada em religiões neopagãs como a Wicca e o Neo-helenismo.

Alimentos e bebidas

Os alimentos de sagrados para Deméter são os grãos, seus símbolos mitológicos. De maneira geral, comidas cuja base é o trigo, milho e a cevada, como pães e bolos, preferivelmente integrais, são usados em libações para esta deusa.

Além disso, a romã é a fruta comumente ligada aos seus mitos e de sua filha, Perséfone. Já as suas bebidas incluem o suco de romã, chá de poejo, suco de uva, vinho e bebidas que incluam a menta/hortelã como ingrediente.

Flores, incensos e cores

Deméter está intimamente ligada à flor chamada papoula. Além disso, a prática neopagã a associa a todas as flores amarelas e vermelhas e à margarida. Seus incensos sagrados são carvalho, mirra, olíbano e menta.

Além disso, é possível também queimar cascas de romã em sua homenagem. As cores sagradas de Deméter são o dourado e o amarelo que remetem aos campos de trigo, bem como o verde e o marrom, que simbolizam a fertilidade da terra.

Signo e chakra

Deméter está associada ao signo de Câncer e, principalmente, ao signo Virgem. Ela representa o lado fértil e cuidador de Câncer, bem como o metodismo e organização de Virgem.

Por estar relacionada às colheitas e à agricultura, Deméter está ligada ao chakra da base. Também chamado por Mūlādhāra, este chakra está alinhado com as necessidades básicas do corpo como a alimentação, além de estar ligado à terra e estabilidade.

Oração à Deusa Deméter

A seguinte oração se trata de uma oração pessoal criada por mim. Use-a para pedir auxílio a Deméter:

“Ó Sagrada Deméter, Rainha dos Grãos.
Chamo teu nome sagrado.
Desperta as sementes dos meus sonhos,
Para que eu possa nutri-los e colhê-los com bom grado.

Chamo por teu nome Anesidora
Para que me envie teus presentes
E que eles venham em boa hora.

Chamo por ter nome Chloe,
Para que tua fertilidade em mim sempre ecoe.

Senhora da Colheita,
Que minha vida seja regida por tuas leis sagradas.
Que eu possa entender o meu ciclo,
E que, assim como a semente encontra morada na terra,
Que em teu colo eu encontre morada”

Invocação à Deusa Deméter

Para invocar Deméter em seu coitado ou durante os seus rituais, você pode utilizar a seguinte invocação, também de minha autoria:

Invoco teu nome, Rainha dos Grãos,
Aquela cujos frutos saciam a fome da humanidade.
Ouça meu chamado,
Poderosa Rainha, cujos dons são a agricultura e a fertilidade.

Ensina-me teus segredos, para que eu te auxilie em tua busca,
Protege-me de todo mal com tua coroa de milhos,
Cuja luz a mais densa escuridão jamais ofusca.

Tu que tens o poder de mudar as estações
Invoco-te para trazer luz à minha vida,
Assim como o sol faz nos verões.

Desperta as sementes do sono,
Proteja-me do frio do inverno,
Pois sou teu filho/ tua filha,
E por tua presença aqui espero.
Seja bem-vinda!

A Deusa Deméter é a deusa grega do cultivo, da fertilidade e da colheita!

Estátua da deusa demeter

A Deusa Deméter é a deusa grega do cultivo, da fertilidade e da colheita. Como mostramos ao longo do artigo, é através de um dos seus mitos principais que o ciclo das estações ganha forma, fato este que estreita sua relação com os atributos relacionados à agricultura.

Deméter governa também os grãos e é seu poder que determina o grau de fertilidade da terra. Um dos seus títulos é Sito, a doadora da comida e dos grãos e ela também está associada aos festivais sagrados e secretos para mulheres.

Por estas atribuições, você pode se conectar com esta deusa quando precisar se conectar com as estações do ano e a natureza à sua volta. Chame por ela também quando desejar promover mais fertilidade e plantar as sementes de seus sonhos para então poder colhê-los.

Autor deste artigo

Entusiasta dos saberes tradicionais e milenares, escreve sobre o tema nas horas vagas.

Palavras-chave relacionadas


religiões orações bem-estar

Artigos relacionados


Orações pelo casamento: para restauração, abençoar e mais!

Orações pelo casamento: para restauração, abençoar e mais!

Está passando por problemas no seu casamento? Acalme-se, pois existem algumas orações que poderão lhe ajudar. Confira a seguir!


Shiva e Shakti: conheça esta união e o que ela pode representar pra você!

Shiva e Shakti: conheça esta união e o que ela pode representar pra você!

O vínculo entre Shiva e Shakti é o símbolo do equilíbrio e da união ideal que deve acontecer dentro de nós. Conheça o significado desta união neste artigo!


Conheça os 7 arcanjos: origem, história e mais informações!

Conheça os 7 arcanjos: origem, história e mais informações!

São sete os arcanjos que, através de uma simples oração, podem auxiliar em várias áreas da sua vida. Quer conhecer mais sobre estes arcanjos? Continue lendo!


Como rezar o Rosário? Passo a passo completo para aprender!

Como rezar o Rosário? Passo a passo completo para aprender!

O Santo Rosário é um conjunto de orações poderosas e meditações que nos ajudam espiritualmente. Aprenda aqui o passo a passo de como rezar o Santo Rosário.


Como benzer? Aprenda 10 benzimentos para doenças, mau-olhado e mais!

Como benzer? Aprenda 10 benzimentos para doenças, mau-olhado e mais!

Com ingredientes simples e com esses benzimentos pode ajudar você a resolver problemas e doenças. Acesse agora e veja como!


Últimos posts


O que significa sonhar com rosto? Inchado, machucado, sujo e mais!

O que significa sonhar com rosto? Inchado, machucado, sujo e mais!

Sonhar com rosto traz vários significados, mostram mudanças e momentos determinantes para a vida. Veja mais significados!


O que significa sonhar com convite? De casamento, aniversário e mais!

O que significa sonhar com convite? De casamento, aniversário e mais!

Sonhar com convite revela situações desafiadoras e faz alertas importantes a respeito de cansaços emocionais. Veja mais alguns significados!


Qual é o sentido da vida? Propósito, felicidade, eternidade e mais!

Qual é o sentido da vida? Propósito, felicidade, eternidade e mais!

Neste artigo, vamos conhecer reflexões relevantes acerca do sentido da vida, aprofundando noções também sobre a felicidade e a eternidade. Acompanhe!


Sonhar com roça: verde, seca, queimada, de milho, de mandioca e mais!

Sonhar com roça: verde, seca, queimada, de milho, de mandioca e mais!

Sonhar com roça traz várias interpretações, como dar mais atenção aos seus desejos e ambições e notícias que poderão mudar a vida. Leia mais significados!


Orações pelo casamento: para restauração, abençoar e mais!

Orações pelo casamento: para restauração, abençoar e mais!

Está passando por problemas no seu casamento? Acalme-se, pois existem algumas orações que poderão lhe ajudar. Confira a seguir!